Linha Desportiva
Adicionar aos Favoritos Adicionar aos Favoritos
:: HÓQUEI EM PATINS / PATINAGEM ::

Temos de provar que cabemos nesta divisão pois ainda não provámos nada a ninguém(tx)


Tal como aconteceu com o presidente João Salgado, o Linha Desportiva chegou à conversa com Pedro Gonçalves, e a primeira pergunta não poderia deixar de ser sobre a sua stickada de saída como treinador. Como foi Pedro?

Comecei a minha carreira de treinador em 2010/2011, nas escolinhas do Grupo Dramático e Sportivo de Cascais. Em 2011/2012 ingressei no Parede FC como treinador de Escolares e Sub-13. Em 2012/2013 assumi os Sub-20, Sub-13 e a coordenação técnica do clube.

Como treinador da equipa sénior? A época de 2019/2020 não correu como previsto, houve algo que não aconteceu como previsto?

Fiz o meu primeiro jogo oficial nos Seniores no fim da época 2014/2015 e em 2015/2016 assumi o seu comando até hoje. Não considero o que aconteceu na época passada um falhanço. Quando rebentou a pandemia estávamos em plena luta pelo 2.º lugar e com hipóteses claras de acabar nessa classificação. Esta época acabou por significar que fizemos ainda melhor do que aquilo que não chegou a ser feito.

Passado quase um mês da conquista do título de campeão nacional, Qual o sabor?

O sabor do título é, essencialmente, de gratidão. Grato a todas as pessoas que contribuíram para este percurso de 10 anos deste grande clube. Atletas, treinadores, dirigentes, delegados, sócios, adeptos e as famílias desta gente toda que se dedicou a uma causa desportiva, organizacional e social. Fomos muito felizes ao longo destes 10 anos. Cada momento valeu a pena e voltaria a fazer tudo outra vez. A subida e o título tiveram um sabor fantástico e foram a peça final de um complexo puzzle que fomos construindo todos juntos.

A aposta do presidente no Pedro Nunes, como director técnico, teve influência no título e subida de divisão?

O Pedro Nunes trouxe outra capacidade ao Parede FC de atrair novos activos que, indiscutivelmente, trouxeram mais qualidade à nossa equipa. Trouxe ainda uma nova ambição e a vontade de fazer crescer o clube com novos horizontes, com a experiência de quem esteve muitos anos na 1.ª divisão e de quem também subiu a pulso. A mim trouxe-me serenidade, tranquilidade, confiança, contraditório e, obviamente, exigência.

Como vai ser, ter 30 anos e certamente o mais jovem treinador de sempre no comando de uma equipa na divisão maior?

O estigma da idade esteve muito presente no início da minha carreira. Hoje já não. Tenho segurança nas minhas capacidades e a humildade suficiente para reconhecer que tenho muito para crescer, aprender, observar e evoluir. Serei certamente o treinador mais jovem e mais inexperiente deste campeonato, mas isso também me dá vantagens que, provavelmente, os mais velhos e mais experientes já não têm. Sei bem o meu lugar, sei que tenho muito a provar e sei, acima de tudo, que sem o grupo fantástico que lidero não chegarei a lado nenhum. Estou onde sempre quis estar: com o Parede FC, entre os grandes, na 1.ª divisão.

Na época passada o Parede FC manteve metade do plantel e foi buscar cinco reforços, como vai ser em 2021/2022?

Na próxima época há uma fortíssima aposta na continuidade de um grupo de trabalho que funcionou muito bem e que me deixou completamente rendido. Dinâmicas colectivas muito boas, relações interpessoais fantásticas e sempre com muito respeito. Não vamos mexer muito, nem no plantel, nem na equipa técnica. Quisemos preservar o colectivo e deixar para segundo plano as individualidades.
Na próxima época o nosso objectivo passa, em primeiro lugar, por assegurar um processo de treino que prepare todos os nossos atletas para a exigência da 1.ª divisão. Fazer as necessárias adaptações e mudar o “chip” em todos os aspectos. O objectivo competitivo passa claramente pela manutenção entre os grandes. Antes de pensarmos noutra coisa qualquer temos de perceber que ainda não provámos nada a ninguém. É verdade que somos de 1.ª, mas só o somos porque conseguimos vencer a 2.ª. Para ser realmente de 1.ª, temos de provar que cabemos nesta divisão
.



aa

(aa )



aa

(aa )



aa

(aa )



aa

(aa )



voltar

 
 
 
Arquivo - Hóquei Em Patins/Patinagem
 
 




Linha Desportiva
Linha Desportiva | Ficha Técnica | Registo ERC nº 125284 | Direcção: Lobo Pimentel | CONTACTOS | Design & Desenvolvimento: ST Collective Copyright © Todos os direitos reservados