Linha Desportiva
Adicionar aos Favoritos Adicionar aos Favoritos
:: Arquivo - Hóquei Em Patins/Patinagem ::
Parede FC e Paço de Arcos com derrota
e empate na luta pela divisão maior


Parede FC e Paço de Arcos com derrota e empate na luta pela divisão maior(T)
 

6.Set.20 - Não foi um bom início, especialmente para o Parede FC, encontro que o Linha Desportiva acompanhou no velhinho Fernando Lopes Graça, renovado com piso novo, pois as vitórias seriam bem melhores que a derrota do conjunto de Pedro Gonçalves (1-2) e o empate no 'Casablanca' da equipa de Miguel Dantas (2-2).

Na partida do Parede FC com o SC Marinhense, que ao intervalo registava uma igualdade a um golo, com o da formação cascalense a conseguido por André Ferreira muito perto do apito para o descanso, golo que deixava boas indicações para os segundos 25 minutos mas que acabou por ser o único apontado pela formação rubro-negra e a ditar uma derrota imerecida, injusta mesmo, já que os pupilos de Pedro Gonçalves tiveram inúmeras oportunidades para chegar ao empate e mesmo à vitória.

Os postes, o guarda-redes contrário e bastas vezes a falta de calma para introduzir a bola nas redes contrárias estiveram na ponta dos sticks de Ricardo Rocha, Joka Alves, José Costa, André Ferreira, Bernardo Pinto, Rodrigo Godinho, Manuel Coimbra e Xavi Duro, lances que poderiam ter dado os três pontos em jogo, já que na baliza Guilherme Pedruco evitou por várias vezes que o adversário se distanciasse no marcador.

Um encontro com falta do calor humano nas bancadas, apenas seguida por algumas figuras do concelho, como foi o caso de Nuno Alves, presidente da União de Freguesias de Carcavelos e Parede, João Salgado, presidente do Parede FC, acompanhado por Pedro Nunes, coordenador técnico do Parede FC, entre outros elementos ligados aos emblemas em jogo.

No 'Casablanca' o Paço de Arcos não conseguiu melhor que um empate, que pode ser precioso, com Ricardo Barreiro e Filipe Fernandes a fazerem os golos da equipa paço-arquense, segue-se na próxima quarta-feira duas viagens, a do Parede FC a Famalicão, onde vai defrontar o Famalicense AC, e a do Paço de Arcos à Marinha Grande, onde vai ter pela frente o SC Marinhense.
Parede FC e Paço de Arcos com derrota e empate na luta pela divisão maior(tx)
aa aa
 
FOTO
 
Parede e Paço de Arcos iniciam
este sábado assalto à 1.ª divisão


Parede e Paço de Arcos iniciam este sábado assalto à 1.ª divisão(T)
 
Parede e Paço de Arcos iniciam este sábado assalto à 1.ª divisão(tx)
aa aa aa

31.Ago.20 - Paço de Arcos, a lutar pela manutenção, e o Parede FC, pela subida, são anfitriões no próximo sábado, dia 5 de Setembro, do SC Tomar e SC Marinhense, jogos apontados para as 17h00 nos renovados 'Casablanca' e Fernando Lopes Graça, encontros que marcam o arranque do míni campeonato que vai determinar os três clubes que vão disputar o nacional primo divisionário 2020/2021 que tem início a 26 de Setembro.

O dérbi da Linha vai acontecer na noite de 16 de Setembro, uma quarta-feira, às 20h30, no pavilhão do emblema do concelho de Oeiras, com as restantes três jornadas a terem o seguinte calendário de jogos:
Dia 9 – SC Marinhense-Paço de Arcos; Famalicense AC-Parede FC.
Dia 12 – Parede FC-SC Tomar (17h00); HC “Os Tigres”-Paço de Arcos.
Dia 19 – Parede FC-HC “Os Tigres” (17h00); Famalicense AC-Paço de Arcos.

Parede FC com cinco reforços,
Pedro Nunes e Paulo Almeida
na estrutura técnica


A formação do concelho de Cascais conta com muitas e diversas novidades, a primeira uma nova direcção presidida por João Salgado, que para além de ir buscar Pedro Nunes, um técnico conceituado para dirigir todo o hóquei patinado do Parede FC, dos sub-13 aos seniores, mantendo no entanto Pedro Caeiro Gonçalves como treinador principal, nomeou Paulo Almeida como membro do Conselho Consultiva do Parede FC, uma figura do hóquei patinado que também dispensa apresentações e que será uma mais valia para o emblema rubro-negro.

No banco, ao lado de Pedro Caeiro Gonçalves vão estar Bernardo Santos, como adjunto e preparador físico, Álvaro Tomás, como team manager e treinador de guarda-redes, Frederico Duarte, como analista, Francisco Martins como fisioterapeuta, Armando Filipe, como mecânico, com Carlos Ferreira, Wagner Corrêa e Vítor Braga a ocupar os lugares de delegados.

Quanto a jogadores, são cinco as caras novas: António Mendonça e Joka Alves (ambos ex-AD Oeiras), André Ferreira (ex-Juventude Salesiana), José Costa (ex-HC Turquel) e André Gaspar (ex-AE Física), que se juntam a Guilherme Pedruco, Bernardo Pinto, Ricardo Rocha, Paulo Duro, Rodrigo Godinho e Manuel Coimbra, jogadores que vão no sábado estrear oficialmente o novo piso, melhoria no velhinho pavilhão Fernando Lopes Graça, que contou com o apoio da União de Freguesias de Carcavelos e Parede.

Paço de Arcos com dois reforços
e Miguel Dantas no comando


Apenas duas caras novas entre os jogadores paço-arquenses, Ricardo Barreiros (ex-UD Oliveirense) e Dário Santo (ex-Alenquer e Benfica), a outra é na equipa técnica onde Miguel Dantas substitui Luís Duarte, um regresso a uma casa que bem conhece e onde envergou a braçadeira de capitão, agora no braço de Nelson Ribeiro, que juntamente com Filipe Fernandes, Diogo Rodrigues, Pedro Vaz, Tiago Gouveia, João Sardo, Bruno Frade e José Silva, tendo ao seu lado no banco Pedro Favinha, como adjunto, Carlitos, como preparador físico, Lorenzo Lusvardi, como fisioterapeuta, Vítor Elias, como mecânico, António Ribeiro e Alfredo Gouveia, como delegados.
 
João Salgado no lugar de presidente,
Pedro Nunes no comando do Parede FC


João Salgado no lugar de presidente, Pedro Nunes no comando do Parede FC(T)
 
João Salgado no lugar de presidente, Pedro Nunes no comando do Parede FC(tx)
aa

18.Mai.20 - Estiveram marcadas, foram adiadas, tiveram lugar na passada sexta-feira, 15 de Maio, dia em que os sócios do Parede Futebol Clube foram chamados para votar na lista única com João Salgado como candidato a presidente, eleito pela larga maioria dos votantes e a tomar posse no dia seguinte na nova sede do emblema rubro-negro da Freguesia de Carcavelos e Parede, auatarquia que ser fez representar na cerimónia pelo presidente Nuno Alves e o vogal José Manuel Machado Magalhães.

João Salgado que foi buscar Pedro Nunes na sua primeira decisão, com o experiente treinador com um passado ligado a grandes clubes e com títulos de campeão a ocupar o lugar de coordenador técnico fazendo a ponte com a direcção nas decisões que pretendem levar o Parede FC à divisão maior da modalidade, projecto que o emblema do concelho de Cascais persegue e que pretende alcançar e consolidar.

Recorde-se que o Parede FC seguia na 2.ª posição da divisão secundária sulista, ficando assente no comunicado das quatro federações, entre as quais a de Patinagem, que a época não seria concluída e que não haveria campeões nem descida de divisão, com o senão de no Hóquei em Patins a federação manter as descidas, havendo possívelmente uma prova preliminar de acesso à 1.ª divisão apontada para Setembro com Paço de Arcos, HC “Os Tigres”, SC Marinhense e SC Tomar, primeiros Norte e Sul, assim como Famalicense AC e Parede FC, segundos das tabelas secundárias.
 
 
 
 
Arquivo - Hóquei Em Patins/Patinagem
 
 




Linha Desportiva
Linha Desportiva | Ficha Técnica | Registo ERC nº 125284 | Direcção: Lobo Pimentel | CONTACTOS | Design & Desenvolvimento: ST Collective Copyright © Todos os direitos reservados