Linha Desportiva
Adicionar aos Favoritos Adicionar aos Favoritos
:: SURF ::
PUB UFCP
 
Frederico e Teresa, vitoriosos no Guincho,
consagrados campeões nacionais em casa


Frederico e Teresa, vitoriosos no Guincho, consagrados campeões nacionais em casa(T)
 

18.Out.20 - Teresa Bonvalot, que já detinha o título, o que acontece pela terceira vez já que conquistou os de 2014 e 2015, este com Frederico Morais, que no passado sábado voltou a levantar o ceptro de campeão com a jovem hoje de leão ao peito, ambos cascalenses, foram os vencedores da 5.ª etapa da ”Liga MEO Surf 2020”, a ”Bom Petisco Cascais Pro”, que decorreu desde quinta-feira, dia 15 de Outubro, na praia do Guincho com o apoio da Câmara Municipal de Cascais e do CRC Quinta dos Lombos.

Na prova que teve a participação de 25 surfistas do concelho de Cascais, 18 masculinos e 7 femininas, as finais foram disputadas por cascalenses, Frederico Morais e Luís Perloiro, ambos do CRC Quinta dos Lombos, na masculina, com a vitória a sorrir a Frederico, por 13.50-11.15, Teresa Bonvalot (Sporting CP) e Gabriela Dinis (CRC Quinta dos Lombos), na feminina, com a agora leoa a vencer, por 14.75-11.75, que diz bem da superioridade dos surfistas de Cascais na etapa que teve como palco águas suas bem conhecidas como são as que banham a praia do Guincho, lugar com história não só a nível nacional mas também mundial.

Frederico Morais, que somou a sua 14.ª vitória em etapas da sua carreira, não quis deixar de agradecer à ”World Surf League” por o ter deixado participar na ”Liga MEO Surf”, frisando que esta foi uma óptima competição, em que esteve muito consistente, onde nas cinco etapas marcou presença em duas finais e três meias-finais, sentido uma enorme felicidade por ter conquistado o seu terceiro título em casa.

Por sua vez Teresa Bonvalot, referiu ter sido um bom campeonato e ter sido a melhor forma de terminar o ano, deixando claro que deter já o título nacional foi fundamental para não a deixar nervosa, o que a levou a encarar a etapa de uma forma que a levou à vitória, o seu 20.º triunfo na carreira, com apenas 21 anos, ficando a quatro de igualar o histórico registo de vitórias de Patrícia Lopes.

Luís Perloiro chegou à final depois de eliminar Halley Batista, por 14.75/7.8, enquanto Vasco Ribeiro (Dramático de Cascais) foi afastado da luta pelo título nacional por Frederico Morais (10.65-13.5), Filipe Jervis (Dramático de Cascais) caiu nos quartos-de-final, Miguel Blanco (Estoril Praia) campeão em 2018 e 2019 e Lourenço Sousa (Aqua Carca) ficaram-se pela 3.ª ronda no que diz respeito à prova masculina, na feminina as meias-finais foram disputadas por surfistas do concelho de Cascais, com Gabriela Dinis a bater Camila Kemp (ambas do CRC Quinta dos Lombos), por 11.9-6.2, e Carolina Mendes a cair perante Teresa Bonvalot, por 8.0-13.25.

No que diz respeito a outras conquistas na etapa ”Bom Petisco Cascais Pro”, que decorreu na praia do Guincho, Frederico Morais foi o vencedor da Somersby Onda do Outro Mundo, com os 9.25 pontos nos quartos-de-final, assim como a Cascais Best Surfer na companhia de Gabriela Dinis, e por fim Teresa Bonvalot que levou o prémio Bom Petisco Girls Score mercê dos 14.75 na final.
Frederico e Teresa, vitoriosos no Guincho, consagrados campeões nacionais em casa(tx)
aa bbvv bb
 
FOTO
 
Cascais decide luta pelo título 2020
* Frederico e Vasco candidatos


Guincho decide luta pelo título 2020(T)
 
Guincho decide luta pelo título 2020(tx)
aa

14.Out.20 - Depois da vitória no Porto, a segunda das quatro etapas já disputadas, Vasco Ribeiro (Dramático de Cascais) juntou-se a Frederico Morais (CRC Quinta dos Lombos) na luta pelo título nacional 2020 na praia do Guincho a partir desta quinta-feira, dia 15 de Outubro, local da derradeira competição da ”Liga MEO Surf”, a “Bom Petisco Cascais Pro”, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Cascais.

Com os dois surfistas cascalenses a ocuparem o 2.º (Frederico Morais com 3.190 pontos) e o 3.º lugar (Vasco Ribeiro com 3.000 pontos) do ranking liderado pelo jovem Afonso Antunes, únicos a puderem no sábado a subir ao pódio como campeões, serão eles certamente os grandes protagonistas da etapa pois a nível feminino a também cascalense e sportinguista Teresa Bonvalot já detém o título de campeã 2020, o terceiro, com os dois anteriores conquistados nos anos 2014 com Vasco Ribeiro e 2015 com Frederico Morais, parceria que pode voltar a acontecer este fim-de-semana no Guincho.

Para além de Frederico Morais, que soma dois títulos (2013 e 2015), e Vasco Ribeiro, com três (2011, 2012 e 2017), a armada de surfistas masculinos do concelho de Cascais conta com Miguel Blanco (Estoril Praia), actual campeão em título (2018 e 2019), João Moreira, Rodrigo Oliveira, Tiago Nozes, Martim Nunes, Bruno Mendonça, Luís Perloiro, Santiago Graça, Francisco Ordonhas, Diogo Martins, Tiago Faria e Nic Von Rupp (todos do CRC Quinta dos Lombos), Filipe Jervis (Dramático de Cascais), João Kopke e Lourenço Sousa (Aqua Carca), enquanto a feminina Carolina Mendes (Estoril Praia e campeã em 2016 e 2017), Camila Kemp (campeã em 2018), Érica Máximo, Mariana Assis, Matilde Costa e Gabriela Dinis (todas do CRC Quinta dos Lombos), fazem companhia a Teresa Bonvalot.
 

BODYBOARD
 
Mariana (Aqua Carca) campeã nacional sub-18

Mariana Rosa (Aqua Carca) campeã nacional sub-18(T)
 

13.Out.20 - Mais um título para atletas do concelho de Cascais, desta vez conseguido no Norte do país, nas praias da Salgueira e Aguçadoura, na Póvoa do Varzim, onde a jovem Mariana Rosa (Aqua Carca) no passado fim-de-semana de 10 e 11 de Outubro, conquistou o título de campeã nacional sub-18.

O emblema de Carcavelos, que marcou presença no ”Campeonato Nacional Bodyboard 2020” em Esperanças, viu ainda Margarida Ribeiro e Carolina Abreu subirem ao pódio sub-18 na 3.ª e 4.ª posição, Madalena Sá discutir um lugar na final, com Joana Oliveira e Margarida Silva a ficarem nos quartos-de-final.
Mariana Rosa (Aqua Carca) campeã nacional sub-18(tx)
 
Martim (Lombos) no pódio do nacional sub-18

Martim Nunes (Lombos) no pódio do nacional sub-18(T)

13.Out.20 - Dos três surfistas carcavelenses marcaram presença no ”Campeonato Nacional de Surf 2020” em Esperanças, competição que decorreu nos dias 10 e 11 de Outubro na praia de Ribeira d'Ilhas, na Ericeira, apenas Martim Nunes (CRC Quinta dos Lombos) esteve na fotografia final de entrega de prémios ao sentar-se no 3.º lugar sub-18, prova em que o seu companheiro de equipa Vasco Cordeiro e Lourenço Sousa (Aqua Carca) não conseguiram chegar à final ficando pela 4.ª ronda.
 
Nacionais de Bodyboard, Skimboard e Longboard
nas praias de Carcavelos e São Pedro do Estoril
* Francisco, Sofia e António campeões


Bodyboard, Skimboard e Longboard em Carcavelos e São Pedro do Estoril(T)
 
Bodyboard, Skimboard e Longboard em Carcavelos e São Pedro do Estoril(tx)
aa  nnvv

7.Out.20 - Fim-de-semana, dias 3 e 4, alargado devido ao feriado de segunda-feira, dia 5 de Outubro, foi aproveitado pela federação levar a efeito a disputa dos títulos nacionais 2020 de Bodyboard, na praia de Carcavelos, Skimboard e Longboard, na praia de São Pedro do Estoril, sob a organização da Aqua Carca e do Surfing Clube de Portugal, com os apoios da Câmara Municipal de Cascais, União de Freguesias de Carcavelos e Parede e União de Freguesias do Estoril e Cascais, competições disputadas por mais de uma centena e meia de atletas.

Em Carcavelos, um título para a Aqua Carca, Francisco Ferreira, em sub-14 masculinos, ao bater na final Martim Borges (Estoril Praia), sagrou-se pela terceira vez campeão no nacional de Esperanças na modalidade de Bodyboard, prova que contou com a participação de mais seis bodyboarders sub-14 cascalenses, Luigi Pagliari, Massimo Pagliari, Gustavo Sobrinho e Guilherme Santos (todos da Aqua Carca), Gonçalo Paulino e Afonso Paulino (ambos do Estoril Praia), assim como três sub-12, Pedro Gonzalez, Giulio Pagliari e Miguel Dias (todos da Aqua Carca).

Em sub-14 femininos, Teresa Piedade, Beatriz Pinto Coelho e Filipa Freitas (todas da Aqua Carca), estiveram em evidência ao marcarem presença na fase final do título do nacional de Esperanças 2020, trio que juntamente com as bodyboarders carcavelenses Alice Teotónio, Beatriz Pinto Coelho, Maria Cayatte, Maria Padrela e Benedita Santos, participaram na disputa do título de sub-16.

Em São Pedro do Estoril, Sofia Lopes (Estoril Praia), na disputa do título de Skimboard superou Kika Freire, por 7.10/5.42, que a levou ao pódio para ser consagrada campeã na categoria Open feminino, enquanto o canarinho Heytor Torres caiu nas meias-finais no Open masculino.

Por fim, no nacional de Longboard 2020, foi a vez de António Dantas (Surfing Clube de Portugal), depois de bater o também estorilista Frederico Mettermayer, subir ao pódio para receber o troféu de campeão nacional de sub-18, prova em que Diogo Gonçalves (Estoril Praia) caiu nas meias-finais, e finalizar na 3.ª posição em Open, onde João Dantas foi finalista vencido e João Gama foi 4.º, seus companheiros de equipa, competição que contou ainda com a participação de André Gomes, Afonso Bastos e Filipe Baptista (todos do Surfing Clube de Portugal).
 
Cascalense Frederico Morais vence
“MEO Portugal Cup of Surfing 2020”


Cascalense Frederico Morais vence “MEO Portugal Cup of Surfing 2020” (T)
 

2.Out.20 - Frederico Morais (CRC Quinta dos Lombos) e Vasco Ribeiro (Dramático de Cascais) perfilaram-se como candidatos, tal como a também cascalense Teresa Bonvalot, a erguer o troféu de vencedores da ”MEO Portugal Cup of Surfing 2020”, competição que trouxe à praia de Ribeira D'Ilhas, na Ericeira, entre alguns dos melhores surfistas mundiais, entre os quais o brasileiro Ítalo Ferreira, actual campeão do Mundo.

Dos oito portugueses presentes no início da prova, apenas Frederico Morais, depois de bater o espanhol Aritz Aramburu (16,83/12,50), nos quartos-de-final, e o japonês Kanoa Igarashi (13,00/12,73), nas meias-finais, chegou à derradeira etapa que decidia o título masculino, a 1 de Outubro, dia em que o surfista do concelho de Cascais superou Ítalo Ferreira, por 15,60/12,33, sagrando-se dessa forma o vencedor masculino da ”MEO Portugal Cup of Surfing”.

Na prova feminina, Teresa Bonvalot e Carolina Mendes (Estoril Praia) caíram nos quartos-de-final perante, respectivamente, a basca Nadia Erostarbe (12,27/13,93) e a francesa Johanne Defay (12,74/13,84), surfista que acabaria por acompanhar Frederico Morais no pódio vencedor.
Cascalense Frederico Morais vence “MEO Portugal Cup of Surfing 2020” (tx)
ss
 
Santiago Graça (Lombos) vice-campeão nacional

Santiago Graça (Lombos) vice-campeão nacional(T)

28.Set.20 - As ondas da praia de São Pedro do Estoril foram palco este fim-de-semana, último de Setembro, da disputa de mais um título, o de campeão nacional sub-16, competição em que participaram oito jovens surfistas do concelho de Cascais, seis do CRC Quinta dos Lombos (CRCQL) e dois da Aqua Carca (AC), emblemas de Carcavelos.

As meias-finais puseram frente a frente dois carcavelenses, Martim Nunes e Santiago Graça, ambos do CRC Quinta dos Lombos, que terminou com a vitória de Santiago e respectiva passagem à final onde foi superado pelo ericeirense Rodrigo Chaves acabando na cerimónia de entrega de prémios por receber o troféu de vice-campeão das mãos de Frederico Nunes, vereador do Desporto da Câmara Municipal de Cascais.

Salvador Vala (CRCQL) e Lourenço Sousa (AC) caíram na ronda inicial, Francisco Ordonhas (CRCQL) e João Roque Pinho (AC) na segunda, Francisco Mittermayer e Tiago Faria (ambos do CRCQL) nos quartos-de-final.
 
 
 
 
Arquivo - Surf
 
 




Linha Desportiva
Linha Desportiva | Ficha Técnica | Registo ERC nº 125284 | Direcção: Lobo Pimentel | CONTACTOS | Design & Desenvolvimento: ST Collective Copyright © Todos os direitos reservados