Linha Desportiva
Adicionar aos Favoritos Adicionar aos Favoritos
:: Arquivo - Futsal ::
Futsal Oeiras na final-four da “Taça Nacional”

Futsal Oeiras na final-four da “Taça Nacional”(T)

18.Jun.18 - A vitória no jogo da segunda jornada, com o CS Marítimo, por 8-3, depois dos madeirenses terem despachado a formação açoriana do Candelária, por 4-0, foi fundamental, mesmo com a derrota com os açorianos na derradeiro jogo (2-3), para que os juvenis do Clube Futsal de Oeiras estejam este fim-de-semana em Santarém a lutar pela ”Taça Nacional”, conquista que, se vier a acontecer, os jovens oeirenses juntarão ao título de campeões distritais alcançado em meados de Março passado.

O sorteio dafinal-four, onde o Futsal Oeiras terá pela frente os emblemas que venceram os três grupos da segunda fase, ditou o seguinte calendário de jogos:
Sexta-feira, dia 22 – Futsal Oeiras-Pindelo ARC.
Sábado, dia 23 – Futsal Oeiras-CP Miranda do Corvo.
Domingo, dia 24 – Futsal Oeiras-Academia Johnson.
 
Futsal de Oeiras no play-off de apuramento
para a fase final da “Taça Nacional” sub-17


Futsal de Oeiras (sub-17) no <I>play-off</I><br>de apuramento da <I>“Taça Nacional”</I>(T)

11.Jun.18 - A vitória na derradeira partida da ’Série I’, sobre o Miranda do Corvo, por 5-2, deixou o Clube Futsal de Oeiras a um passo da final-four da ”Taça Nacional”, lugar que conquistou devido ao empate da Fundação Jorge Antunes na ’Série G’ e à derrota do CF Piedense na’Série H’, tendo para isso discutir o lugar em falta com as formações do CS Marítimo e CDJ Candelária no próximo fim-de-semana na Madeira.

Os jovens sub-17 do Clube Futsal de Oeiras começam por assistir sexta-feira, dia 15, ao encontro entre madeirenses e açorianos, jogando no sábado, dia 16, com o CS Marítimo, e no domingo, dia 17, com o CDJ Candelária. Caso regressem vencedores, os oeirenses têm como adversários na final-four a Academia Johnson, Pindelo ARC e CP Miranda do Corvo.
 
Leões Porto Salvo (juvenis) na 1.ª divisão
• Clube Futsal de Oeiras falha título sénior


Leões Porto Salvo (juvenis) na 1.ª divisão(T)

4.Jun.18 - Mais uma subida concretizada, a dos juvenis do Leões de Porto Salvo à 1.ª divisão distrital ao vencerem a terceira partida com o Alenquer RC nas grandes penalidades, por 2-1, após o 3-3 no tempo regulamentar, jogo entre os segundos classificados da divisão secundária tendo em vista o aceso à primo divisionária.

Recorde-se que nos dois encontros anteriores, o primeiro em Alenquer, o Leões foi batido por 5-2, seguindo-se em Porto Salvo a vitória dos jovens porto~salvenses, por 6-5, resultado que levou a que as duas formações voltassem a encontrarem-se no recinto do Leões, equipa que na fase regular competiu na ”Série 2” que concluiu com 18 vitórias, 2 empates e 4 derrotas, marcando 173 golos e sofrendo 49.

Entretanto a formação sénior do Clube Futsal de Oeiras, que bastava vencer o Dramático, em Cascais, para se sagrar campeã distrital da 1.ª divisão, falhou a conquista ao não conseguir melhor que um empate a um golo, situação que o CA Desportos, que estava a um escasso ponto dos oeirenses, aproveitou para ao vencer o seu adversário conquistar o título que esteve tão perto do conjunto liderado por Gonçalo Mendonça, que apenas fica com a subida à divisão de Honra.

Competição que terminou com as equipas da Linha nos seguintes lugares da tabela: 2.º Futsal Oeiras; 3.º CRC Quinta dos Lombos B; 5.º CDR “Os Vinhais B”; 6.º Dramático de Cascais; 10.º GRF Murches; 17.º Fundação Salesianos.
 

SL Benfica, 6 – CRC Quinta dos Lombos, 1
 
Lombos despede-se com derrota esperada

Lombos despede-se com derrota esperada(T)

28.Mai.18 - O adeus, com regresso marcado daqui a três, quatro meses, do CRC Quinta dos Lombos teve lugar sexta-feira passada no pavilhão da Luz, onde a formação do concelho de Cascais não conseguiu inverter o resultado negativo do primeiro encontro, em Carcavelos (2-4), com o SL Benfica, acabando nesta segunda partida partida por perder, por 6-1 (2-0 ao intervalo), com o golo dos carcavelenses a ter a assinatura de Alecsandro, aos 35 minutos.

Uma derrota natural se tivermos em conta as duas equipas, a encarnada profissional e candidata a discutir o título, a auri-negra amadora sem qualquer ensejo que não seja manter-se entre os grandes, situação que conseguiu esta época de forma brilhante, na 7.ª posição, lugar que lhe permitiu disputar a fase final, o que aconteceu pela primeira vez na história do CRC Quinta dos Lombos.

Agora vem aí as férias, as saídas e entradas para 2018/2019 sob o comando de Jorge Monteiro e Miguel Monteiro, dupla que teve a sua primeira experiência na Liga principal ao serviço do Leões de Porto Salvo e que vai ter a segunda no CRC Quinta dos Lombos, depois de algumas épocas à frente da formação sub-20 do Sporting, onde acumulou títulos.
 
Clube Futsal de Oeiras:
título sénior adiado, júnior conquistado


Clube Futsal de Oeiras: título sénior adiado, júnior conquistado(T)

28.Mai.18 - O empate a três golos na recepção ao CDR “Os Vinhais B adiou por uns dias a festa do título primo divisionário sénior distrital, conquista que na próxima quinta-feira, 31 de Maio, terá três candidatos – Futsal Oeiras (77 pontos), CA Desportos (76) e CRC Quinta dos Lombos B (75) –, mas que continua à mercê da formação oeirense, bastando-lhe vencer a partida em Cascais, com o Dramático, enquanto os seus adversários pelo título jogam em casa, respectivamente, com o Rangel e Internacional de Lisboa, jogos apontados para as 21h00.
 
Clube Futsal de Oeiras: título sénior adiado, júnior conquistado(tx)

Quem já fez a festa de campeã foi a formação júnior, aplicando uma goleada na derradeira jornada, ao terminar as 14 jornadas da fase final com 54 pontos, tantos como o Infantado, mas com duas vitórias nos três jogos entre as duas equipas, terminando a época no conjunto das duas fases com 179 golos marcados e 59 sofridos, 23 vitórias, 4 empates e 2 derrotas.

Resultados:
Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – 3 d’Agosto-Dramático de Cascais, 3-4; Futsal Oeiras-CDR “Os Vinhais” B, 3-3; Atlético CP-Fundação Salesianos; Rangel-GRF Murches, 3-2.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – PSAAC-Unidos Caxienses, 7-6; Futsal Oeiras-Academia Johnson, 10-2.
Juniores/I Divisão Manutenção – Reguilas de Tires-Marista Lisboa, 2-6; CDR “Os Vinhais”-CPCD.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Dramático de Cascais-Sporting Vila Verde.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – CDR “Os Vinhais”-Academia Johnson.
Iniciados/I Divisão Manutenção – Liberdade AC-Futsal Oeiras, 11-2; Académico Ciências-Leões de Porto Salvo, 0-5.
 
Clube Futsal de Oeiras a uma vitória do título


22.Mai.18 - À formação sénior do Clube Futsal de Oeiras, que soma neste momento mais um ponto que o CRC Quinta dos Lombos B, equipa que conta mais um jogo faltando-lhe um para as contas finais, basta-lhe apenas uma vitória nas duas partidas em falta para o final do distrital primo divisionário, a primeira no próximo domingo, dia 27, às 19h00, em casa com os “BB” do CDR “Os Vinhais”, a segunda na derradeira jornada apontada para quinta-feira, dia 31 de Maio, às 21h00, com o Dramático de Cascais, no pavilhão Guilherme Pinto Bastos, em Cascais, para conquistar e festejar o título de campeã e respectiva subida à Honra, à muito alcançada.
 

Resultados:
Nacionais Femininos/Seniores – CRC Quinta dos Lombos-Nun’Álvares, 2-1.
Nacionais Masculinos/Juvenis/Apuramento Campeão – Leões de Porto Salvo-Sporting CP, 0-3.
Taça Nacional/Juvenis – Miranda do Corvo-Futsal Oeiras, 6-4.

Distritais/Seniores I Divisão – Dramático de Cascais-Rangel; Presa Casal Rato-Futsal Oeiras, 3-6; Fundação Salesianos-GROB, 5-9; GRF Murches-Casa Povo Arcena; CRC Quinta dos Lombos B-Monte Agraço, 5-1; CDR “Os Vinhais”-3 d’Agosto, 6-1.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – Unidos Caxienses-Futsal Oeiras, 1-11.
Juniores/I Divisão Manutenção – CPCD-Reguilas de Tires, 5-3; Arroja-CDR “Os Vinhais”, 3-7.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Marista Lisboa-Dramático de Cascais.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – Patameira-CDR “Os Vinhais”, 4-2.
Iniciados/I Divisão Manutenção – Futsal Oeiras-Infantado, 2-6; Leões de Porto Salvo-Milharado, 19-1.
 
CRC Quinta dos Lombos-SL Benfica
este sábado às 15h00 em Carcavelos



14.Mai.18 - É o primeiro dos três jogos possíveis entre o CRC Quinta dos Lombos e o SL Benfica que abre a fase final da Liga maior da modalidade, este no pavilhão dos Lombos, em Carcavelos, com início às 15h00, um dos quatro que marca a luta pelo título de 2017/2018.

Recorde-se que esta é a primeira vez que o CRC Quinta dos Lombos conseguiu finalizar a fase regular entre os oito primeiros da tabela, ocupando a 7.ª posição, com 32 pontos, terminando no entanto com um ‘score’ negativo de golos, 70 marcados e 101 sofridos, situação que aconteceu com a maioria dos clubes, um feito que muitos pensariam não poder acontecer mas que o grupo de tabalho, comandado por Rodrigo Barreiros, conseguiu com muito arreganho em muitas das partidas devido a um naipe de jovens jogadores que souberam discutir, por vezes, os resultados até ao derradeiro segundo, virando alguns impensáveis, que os premiou com a presença na disputa do troféu de campeão, um marco sempre importante quer para o clube, equipa técnica e jogadores.

Resultados:
Masculinos/Taça Nacional/Juvenis – GRAP-Futsal Oeiras, 3-2.
Distritais/Seniores I Divisão – Casa Povo Arcena-Dramático de Cascais, 3-5; Futsal Oeiras-Fundação Salesianos, 4-0; CA Desportos-GRF Murches, 12-2; Atlético CP-CRC Quinta dos Lombos B, 3-3; Rangel-CDR “Os Vinhais”, 5-6.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – Presa Casal Rato-Unidos Caxienses, 5-2; Infantado-Futsal Oeiras, 3-2.
Juniores/I Divisão Manutenção – Reguilas de Tires-CDR “Os Vinhais”, 5-6.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Dramático de Cascais-Bairro Boavista, 5-7.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – CDR “Os Vinhais”-Marista Lisboa, 5-1.
Iniciados/I Divisão Manutenção – São Brás-Futsal Oeiras, 1-3; Liberdade AC-Leões de Porto Salvo, 4-12.
 
Leões fecham com goleada no Restelo,
Lombos repetem SL Benfica na “Final 8”



6.Mai.18 - O nacional maior para as equipas da Linha está a caminhar para o seu final, o Leões de Porto Salvo já disse adeus, ao CRC Quinta dos Lombos não faltará muito já que tem pela frente o SL Benfica na luta pelo título, com o primeiro duelo marcado para 19 de Maio, em Carcavelos, seguindo-se no sábado, dia 26, a despedida dos pupilos de Rodrigo Barreiros de uma época, a melhor de sempre na 1.ª divisão, pois não se vislumbra outro cenário, basta olhar para o que aconteceu nesta derradeira jornada em que os carcavelenses foram goleados.
 

Nos jogos de despedida da fase regular, em que o Leões de Porto Salvo foi ao Restelo golear o Belenenses, por 1-5, com um ‘hattrick’ de Ré e golos de Rúben Santos e Marinho, depois da igualdade a zero nos primeiros 20 minutos, resultado que seguido aos dois anteriores deixam a sensação que a formação de Rodrigo Pais de Almeida poderia e devia estar entre as oito que vão discutir a fase final da Liga, situação que só não acontece pelo caminho tortuoso com emblemas do seu nível e até menor, onde houve derrotas inconcebíveis, e que fizeram a equipa de Porto Salvo a finalizar o campeonato na 12.ª posição, com 27 pontos, lugar inglório para um plantel com vários internacionais (Bebé, Ré, João Marçal e Fábio Aguiar) e uma mão cheia de bons executantes, entre os quais jovens de grande qualidade, que no entanto voltou a sentar-se na antepenúltima posição, tal como em 2016/2017.

No outro encontro da jornada final, o CRC Quinta dos Lombos não teve argumentos para evitar a pesada derrota (0-10), beneficiando da queda do Burinhosa em Braga para manter o 7.º lugar, que lhe permite evitar o campeão Sporting mas que não evita o outro grande da modalidade, o SL Benfica. No entanto fica para a história a boa época de um grupo de jogadores que em muitos jogos venderam cara a derrota, em outros venceram de forma abnegada e justa pela forma como lutaram e encararam os adversários, uma equipa que contou com um grupo de trabalho que demonstrou que nem sempre as ‘vedetas’ fazem as grandes equipas.
 
Futsal Oeiras e Lombos B sobem à Honra,
e estão na luta pelo título da I Divisão



6.Mai.18 - Os diversos campeonatos distritais caminham para o seu final, sem equipas dos concelhos de Cascais e Oeiras na Honra esta época, a divisão principal do futsal sénior da Associação de Futebol de Lisboa vai receber em 2018/2019 o Clube Futsal de Oeiras e o CRC Quinta dos Lombos B, emblemas que a a quatro jornadas do fim já conquistaram os dois primeiros lugares da tabela primo divisionária que lhes confere o direito de subida.

O empate no dérbi entre as duas formações, na jornada do dia feriado de 1 de Maio, e as vitórias alcançadas na deste sábado foram suficientes para a festa de subida, agora nas quatro que faltam está o título de campeão em jogo, que o Futsal Oeiras tem à vista bastando-lhe para isso vencer os quatro jogos em falta, os dois últimos com o CDR “Os Vinhais” (casa) e Dramático de Cascais (fora), a não ser que os ‘BB’ do CRC Quinta dos Lombos escorreguem num dos três que têm pela frente.

Resultados:
Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – (1 de Maio) Futsal Oeiras-CRC Quinta dos Lombos B, 1-1; GRF Murches-Dramático de Cascais, 3-4; CA Desportos-CDR “Os Vinhais” B, 6-3; Rangel-Fundação Salesianos, 12-3; (5-6 de Maio) Dramático de Cascais-CA Desportos, 4-5; Fundação Salesianos-3 d’Agosto, 5-6; GRF Murches-Os Torpedos; CRC Quinta dos Lombos B-GROB, 5-1; Pregança-Futsal Oeiras, 1-5; CDR “Os Vinhais”-Casa Povo Arcena, 4-3.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – Unidos Caxienses-Infantado, 6-8; Futsal Oeiras-Frassati, 11-3.
Juniores/I Divisão Manutenção – CDR “Os Vinhais”-UP Venda Nova, 3-0; Arroja-Reguilas de Tires, 4-2.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Unidos Arcena-Dramático de Cascais, 4-4.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – AMSAC-CDR “Os Vinhais”, 9-2.
Iniciados/I Divisão Manutenção – Futsal Oeiras-Académico Ciências, 3-6; Leões de Porto Salvo-São Brás, 7-1.
 

CRC Quinta dos Lombos, 2 – SL Benfica, 4
 
Arbitragem pesou na derrota do Lombos
• Sexta-feira, às 19h15, segundo jogo na Luz



21.Mai.18 - Uma vez mais, pois durante a época que decorre, quer em jogos do Leões de Porto Salvo, quer nos do CRC Quinta dos Lombos, assistimos a arbitragens, chamemos-lhes inteligentes, de duplas do apito que fariam melhor fazer rever a sua postura em campo prejudicando na maioria das vezes os emblemas mais pequenos, na sua grande maioria amadores.
 

A de Pedro Costa (AF Coimbra) e André Franco (AF Leiria) foi francamente má, prejudicando a formação amadora de Carcavelos e favorecendo a profissional do SL Benfica, que não necessita de ajudas, para chegar no final dos 40 minutos com uma vitória, que até poderia e seria normal acontecer, mas que os jogadores auri-negros não mereciam que fosse conseguida com uma mãozinha da dupla que veio do centro do país, e que mostrou que um dos grandes problemas actuais da modalidade passa pela arbitragem.

O 2-4 final mostra que não foi fácil ao SL Benfica chegar à vitória, certo que os encarnados falharam, erraram e deram uma pálida imagem do que valem, se calhar devido à enorme postura dos jogadores do CRC Quinta dos Lombos que nunca viraram a cara à luta, reagiram de forma abnegada à infelicidade, quer do primeiro, quer do segundo golo sofridos por Miguel Carvalho, que acabou expulso ao contestar de forma mais veemente um dos muitos lances em que a dupla de árbitros decidiu favorecer os encarnados, expulsão que originou o 4.º golo do SL Benfica e que acelerou a derrota do conjunto do concelho de Cascais.

Ao 0-1, conseguido apenas quando decorria o minuto 18, e ao 0-2, aos 23, o CRC Quinta dos Lombos respondeu aos 26 minutos com o golo de Ivo Oliveira, seguindo-se, aos 28, o 1-3, resultado que os jogadores carcavelenses tentaram a todo o custo virar, as oportunidades surgiam mas a bola, umas vezes por manifesto azar, outras porque a defesa encarnada foi lesta a neutralizar, não quis entrar, o 5x4 não deu frutos, o SL Benfica chegou ao 1-4 e no derradeiro lance da partida o jovem Manuel Mesquita fez o 2-4 com que finalizou o primeiro jogos dos quartos-de-final da fase final do nacional maior da modalidade.

Duas notas finais, a primeira para a presença nas bancadas de Wilson Eduardo e João Mário, internacionais do Desporto-Rei, o futebol, que uma vez mais, com a restante família, apoiaram o irmão mais jovem, Hugo Eduardo.

A segunda para a não presença no banco da equipa técnica comandada por Rodrigo Barreiros, a qual, o Linha Desportiva soube depois, que saiu pelo seu pé antes desta partida, um conjunto de treinadores que ficará na história do CRC Quinta dos Lombos pois deve-se a eles, e aos jogadores, o 7.º lugar conseguido na fase regular que permitiu aos auri-negros participarem pela primeira vez na fase final do campeonato, situação que não mereciam pelo enorme trabalho que tiveram e que deu frutos com um grupo de jovens jogadores, fazendo alguns deles a regressarem aos bons velhos tempos, outros a aparecerem como promessas, outros ainda a voltarem a ter a alegria de jogar.

O segundo jogo da fase final, e no caso de ter de haver terceiro, vai ser disputado no pavilhão da Luz, está apontado para as 19h15 da próxima sexta-feira, e será um dos três que a TVI24 vai transmitir directamente, partida que poderá ser de despedida dos jogadores a uma época espectacular.
 
Leões de Porto Salvo prepara nova época


14.Mai.18 - As férias estão aí, no entanto é fundamental começar a pensar na nova época e, depois do insussesso da última em que teve de lutar pela manutenção, o Leões de Porto Salvo parece não ter perdido tempo.

Depois de garantir a continuidade de Rodrigo Pais de Almeida e Nuno Duarte, a que se juntou o regresso de Rui Monteiro, treinador de guarda-redes, a direcção presidida por Jorge Delgado começou por fazer o deve e o haver da época passada dispensando uma mão cheia de jogadores – Marinho, João Marçal, Teka, Cherif, Samuka, Dani e Ted –, anunciando a continuidade da maioria, Bebé, Hélder Fernandes, Bruno Marques, Diogo Santos, Rúben Santos, Ré, Danny, Fábio Aguiar, João Silva e Papa Unjanque.

Sobre as caras novas, uma delas, diz-se nas tertúlias futsalistas que Dura (ex-Belenenses) vai voltar a vestir de verde, trazendo André Nabais de Belém, estando prevista a ascenção do jovem Bruno Rodrigues, sub-20, ao plantel principal do Leões de Porto Salvo, aos quais, feitas as contas, devem juntar-se mais dois ou três jogadores para perfazer o número ideal para atacar 2018/2019.
 

Leões de Porto Salvo, 10 – Fabril do Barreiro, 2
 
Goleada mantém o Leões entre os grandes


29.Abr.18 - Casa quase cheia onde o verde era dominante, pois quer o Leões de Porto Salvo quer o Fabril do Barreiro têm a cor nos equipamentos principais, o que levou a formação porto-salvense a apresentar-se de preto, numa partida em que estava em jogo a época, já que o derrotado estava destinado a fazer as malas tendo como destino a divisão secundária.
 

Ao contrário de outros jogos, notava-se nos adeptos do Leões uma ansiedade e um nervoso miudinho com muitos a seguirem o jogo de pé, sentimentos que ao longo da primeira parte foram desaparecendo devido aos golos que os porto-salvenses foram marcando, com início ao minuto 8, por Papa Unjanque, seguindo-se os de Ré, aos 9m, João Silva, aos 17m, espectacular e o melhor da tarde, e Teka, aos 19m, que levaram o Leões de Porto Salvo para intervalo a vencer por 4-0 e que diminuiu muito a tensão vivida nas bancadas nos primeiros 20 minutos.

A perder, e sabendo que o único resultado que evitava a descida era a vitória, o Fabril do Barreiro entrou na segunda metade a jogar em 5x4 na tentativa de dar a volta ao resultado negativo, esquema que acabou não só por anular a possibilidade dos adeptos assistirem a um bom jogo, como apressou e ditou a goleada verificada no final dos 40 minutos (10-2) conseguida por Danny, aos 21m e 22m, Fábio Aguiar, aos 28m, a que se seguiu o 7-1, Papa Unjanque, aos 33m, seguindo-se o 8-2, Ré, aos 36m e Marinho, aos 39m, golos que foram acalmando os adeptos porto-salvenses e os muitos responsáveis que marcaram presença no camarote, cheio, que teve a visita do vereador Carlos Morgado, individualidade que apesar de ter um compromisso à mesma hora não quis deixar de seguir o jogo durante alguns minutos, deixando ao dirigente Carlos Pereira um abraço para o presidente Jorge Delgado.

Uma vitória que, como o Linha Desportiva deixou bem vincado na antevisão do encontro, valia uma época, o que levou os jogadores porto-salvenses a entrarem em campo dispostos a não decepcionarem as centenas de adeptos que fizeram questão de lhes mostrar, uma vez mais, o seu apoio, e se na baliza Hélder Fernandes e depois Bruno Marques foram eficazes na defesa das redes à sua guarda, Diogo Santos, Papa Unjanque, Ruben Santos, Fábio Aguiar, João Marçal, João Silva, Danny, Teka, Marinho e Ré, foram os motores de um resultado expressivo que no final fez rolar algumas lágrimas de alegria numa partida em que, infelizmente, o adversário, o Fabril do Barreiro de Naná, acabou por cair na divisão secundária, uma equipa que lutou, tal como os seus apoiantes pediam num pano exposto no pavilhão, até ao fim, de forma briosa e que no fim, devido à sua enorme postura ao longo do encontro, foram alvo de uma enorme salva de palmas dos adeptos porto-salvenses.

No próximo sábado é o adeus de uma época pouco conseguida, pois este núcleo de jogadores do Leões de Porto Salvo devia e podia estar na fase final. O adversário no jogo da despedida é o Belenenses, numa partida marcada para as 16h00 no Restelo.
 

Sporting de Braga, 0 – CRC Quinta dos Lombos, 1
 
Vitória deixa Lombos com fase final à vista


29.Abr.18 - O golo madrugador de Ivo Oliveira, ao minuto 2, mantém e deixa em aberto para a derradeira jornada de sábado a participação do CRC Quinta dos Lombos na ”Final 8” da ”Liga Sport Zone”, o que que a acontecer será a primeira da formação do concelho de Cascais, algo que muitos não pensariam que pudesse ser uma realidade.

Para que tal seja uma realidade, o Rio Ave e Burinhosa não podem vencer os últimos encontros, apenas um o pode fazer, se tal acontecer o CRC Quinta dos Lombos tem de somar os três pontos na partida de sábado, às 16h00, com o SL Benfica.

Os três pontos trazidos da cidade dos Arcebispos, perante o Sporting de Braga, mercê da vitória curta, mas saborosa, por 0-1, só foi possível pela enorme unidade do grupo comandado por Rodrigo Barreiros, um treinador que se despede na recepção à formação encarnada, dos adeptos carcavelenses, tal como a sua equipa técnica, certamente com o sentimento do dever cumprido, pois esta foi sem sombra de dúvida a melhor época do CRC Quinta dos Lombos entre os grandes, basta olhar para o enorme equilíbrio entre vitórias (9) e derrotas (11) nas 25 partidas já disputadas e onde pontuam 5 empates, alguns bem importantes para os 32 pontos amealhados que lhe confere a 7.ª posição da tabela.
 
Vitórias são precisas e fundamentais para salvar
a época do Leões de Porto Salvo e “Os Vinhais”



27.Abr.18 - O Complexo Desportivo de Porto Salvo e o pavilhão Além-das-Vinhas, são este sábado palcos de jogos que vão prender os adeptos dos dois emblemas às cadeiras até ao derradeiro segundo, pois está em causa uma época, disputada em 40 minutos, em que só e apenas a vitória dará lugar aos festejos de permanência, os do Leões de Porto Salvo na ”Liga Sport Zone”, os do CRC “Os Vinhais” na divisão secundária.

Dois encontros com início às 16h00, o Leões de Porto Salvo-Fabril do Barreiro, penúltimo da época para os pupilos de Rodrigo Pais de Almeida, o CDR “Os Vinhais”-Reguilas de Tires, último da fase de manutenção, ambos como a salvação de uma época, ambos com novos comandantes, pois Rogério Ferreira ocupou o lugar de Carlos Alberto na formação de São Domingos de Rana, duas partidas que valem todas as restantes efectuadas e que no caso de fazerem sorrir os muitos adeptos, estes, certamente, esquecerão os muitos maus momentos que passaram.

Completam a jornada deste sábado, com os jogos a iniciarem-se às 16h00, o Sporting de Braga-CRC Quinta dos Lombos, em que está em causa a possibilidade dos pupilos de Rodrigo Barreiros garantirem um lugar na fase final da ”Liga Sport Zone”, sendo para isso necessário vencer, assim como o Estoril Praia-CF Sassoeiros, em Alcabideche, um dérbi que fecha a época e será o último dos treinadores Nuno Chumbo e João Gonçalves à frente das respectivas formações, que em 2018/2019 vão continuar a militar na divisão secundária.
 
“Os Vinhais” garantiu permanência,
Estoril vence dérbi com Sassoeiros



29.Abr.18 - Não era necessária, pois o Retaxo, na ”Série D” não foi capaz de somar os três pontos na partida em casa, fundamentais para garantir a manutenção, no entanto a formação do CDR “Os Vinhais” fez o que lhe competia, vencer o dérbi com o Reguilas de Tires, por 7-6, partida que teve casa cheia com resultado intermitente até ao apito final que ditou a festa dos pupilos de Rogério Ferreira com os muitos adeptos que ao longo dos 40 minutos apoiaram a última partida de uma época que terminou com um final feliz, pois manteve o emblema de São Domingos de Rana na companhia do Estoril Praia, Reguilas de Tires e CF Sassoeiros na divisão secundária.
 

No outro encontro, onde os dois treinadores, que ao longo da época comandaram os respectivos cincos, Nuno Chumbo no do Estoril Praia, João Gonçalves no do CF Sassoeiros, fizeram, para além do derradeiro jogo da época, o último à frente dos referidos emblemas, a vitória caiu para o lado dos canarinhos, que dessa forma despediram-se em beleza dos seus aguerridos adeptos, por 4-2.

Jogo que ficou marcado pela simbólica cerimónia de homenagem que a Associação de Futebol de Lisboa, representada pelo vice-presidente, responsável pelo Gabinete Técnico e Selecções Distritais, José Rodrigues, e pelo Coordenador Técnico, Marco Guerreiro, e a direcção do Clube de Futebol de Sassoeiros, na pessoa da presidente Deolinda Sousa, fizeram questão de fazer a João Gonçalves, treinador que encerrou oficialmente, no final do dérbi, a sua carreira de treinador de Futsal.

Resultados:
Femininos/Seniores – CRC Quinta dos Lombos-Sporting CP, 2-4.
Taça Nacional – Leões de Porto Salvo-Futsal Feijó, 2-2.
Masculinos/Sub-20/Fase final – CRC Quinta dos Lombos-Ossela, 6-5; Leões de Porto Salvo-Sporting CP, 3-6.
Sub-17/Fase final – Leões de Porto Salvo-Belenenses, 6-1.
Juvenis/Taça Nacional – Futsal Oeiras-AM Bairro Novo, 2-3.
Iniciados/Taça Nacional – CF Sassoeiros-Futsal Mora 4-2.
 

Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – Dramático de Cascais-Os Torpedos, 9-2; CDR “Os Vinhais B-GRF Murches, 3-2; CRC Quinta dos Lombos B-3 de Agosto, 6-1; Internacional Lisboa-Futsal Oeiras, 1-2.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – PSAAC-Futsal Oeiras, 1-3.
Juniores/I Divisão Manutenção – GROB-CDR “Os Vinhais”, 4-0; UP Vendas Novas-Reguilas de Tires, 2-1.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Frassati-Dramático de Cascais, 3-3.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – CDR “Os Vinhais”-Sporting CP, 1-10.
Iniciados/I Divisão Manutenção – Leões de Porto Salvo-Futsal Oeiras, 5-2.
 

CRC Quinta dos Lombos, 5 – Futsal Azeméis, 5
 
Garra e determinação valem um ponto
que pode chegar para disputar a fase final



16.Abr.18 - Quem no passado sábado à tarde marcou presença nas bancadas do Complexo Desportivo dos Lombos, como aconteceu com Nuno Alves, presidente da União de Freguesias de Carcavelos e Parede, que ao lado do presidente Jorge Vieira, assistiu uma vez mais a uma partida em que o desfecho apenas é conhecido após o marcador chegar aos 40 minutos, pois os pupilos de Rodrigo Barreiros apenas baixam os braços quando soa o apito final.
 

O empate a cinco golos vale um ponto, os três estiveram perto de acontecer e poderiam chegar para o CRC Quinta dos Lombos ter a presença garantida entre os oito que vão disputar a fase final da Liga, entretanto, e a duas jornadas das contas finais, os 29 pontos amealhados, 19 nesta segunda metade do campeonato, podem chegar desde que Burinhosa e Belenenses não somem qualquer ponto nas duas derradeiras jornadas, no entanto a vitória em Braga seria ouro sobre azul para a formação carcavelense, pois chegaria para disputar a fase final.

Sobre o encontro com o Futsal Azeméis, equipa que conta com três ´veteranos´ que são a sua mola real, o CRC Quinta dos Lombos entrou a vencer com o golo de Alesandro, aos 4 minutos, seguiram-se dois golos forasteiros e o de Bruno Santos, aos 16 minutos, que levaram as formações para descanso.

No início da segunda parte o cinco de Carcavelos voltou a sofrer dois golo de rajada, era um 2-4 que não servia o Lombos, Rodrigo Barreiros que após o 2-3 tinha lançado Hugo Eduardo como guarda-redes avançado manteve o 5x4, sistema que no entanto não deu frutos já que o 3-4, aos 30 minutos, foi conseguido numa bola ganha por Ricardo Andrade numa saída para o contra ataque da equipa forasteira, seguindo-se, aos 34, o 4-4, por Bruno Santos, um golo criado por Varela, jogador que acabou por fazer o 5-5, a dois minutos do fim, resultado de uma garra e querer enormes de um conjunto que não vira a cara à luta mesmo quando os adversários contam nos seus plantéis nomes sonantes da modalidade.

Com o campeonato, no próximo fim-de-semana, a sofrer mais uma paragem, as duas jornadas finais da fase regular vão acontecer nos dois sábados seguintes, no primeiro, dia 28, o CRC Quinta dos Lombos desloca-se ao Minho para defrontar o Sporting de Braga, no segundo, dia 5 de Maio, recebe o SL Benfica, equipa, caso vença em Braga, será certamente o seu adversário na fase final.
 

Unidos Pinheirense, 1 – Leões de Porto Salvo, 7
 
’Póquer’ de Rúben Santos na goleada em Valbom


16.Abr.18 - Quando a três jornadas das contas finais, são necessários seis pontos para salvar uma época que fica marcada pela pior do Leões de Porto Salvo desde que mora na elite, o espaço de manobra da formação porto-salvense quanto a regressar de Valbom sem a vitória era, se calhar, o fim de um ciclo entre os grandes, mas tal não aconteceu e a luz ao fundo do túnel ficou mais clara, no entanto no dia 28, às 16h00, está aí o jogo grande da época, com o Fabril do Barreiro, em que apenas a vitória deixará os pupilos de Rodrigo Pais de Almeida com os dois pés na Liga de 2018/2019, pois segue-se, a 5 de Maio, o encontro com o sempre difícil Belenenses, no Restelo.
 

Mas se nos encontros anteriores houve dificuldades em colar a bola nas redes adversárias, em Valbom a situação inverteu-se e o Leões de Porto Salvo, para além da vitória tão necessária, fez sete golos na baliza adversária, situação que não acontecia desde 18 de Novembro, dia em que recebeu e bateu o mesmo Unidos Pinheirense.

Goleada que teve Rúben Santos como o marcador de serviço, aos 13, 14 (por duas vezes) e 32 minutos, um ’póquer’, com os restantes golos a serem apontados por João Marçal, aos 35, e Teka, aos 39, o restante na própria baliza por um adversário, numa partida em que a formação de Porto Salvo regressou às vitórias, que em alguns jogos viu escapar de forma inglória, três pontos que valem a saída da 13.ª posição, lugar de descida, agora ocupado pelo Fabril do Barreiro, com 19 pontos, menos dois que o Leões de Porto Salvo (21 pontos), agora sentado na derradeira cadeira de manutenção.
 
Vitória sobre o Estoril deixa “Os Vinhais”
com a porta entreaberta da permanência



1.Abr.18 - A formação do CDR “Os Vinhais”, que na jornada anterior escorregou em casa com o lanterna-vermelha, saiu de Alcabideche com os três pontos da vitória sobre o Estoril Praia, por 1-4, viu abrir-se a luz da continuidade na divisão secundária, mesmo que não consiga fazer o mesmo em Albufeira no próximo sábado, já que pode não vir a ser o pior 5.º classificado das séries continentais, neste momento na posse da equipa do Âncora Praia (Série A), com 14 pontos, menos um que o emblema de São Domingos de Rana, sendo no entanto necessário, pelo menos, vencer o derradeiro encontro, em casa, com o Reguilas de Tires, depois esperar pelas contas finais.

Nos restantes encontros da jornada 5, o CF Sassoeiros foi derrotado em Tavira com o Sonâmbulos, por 5-4, o Reguilas de Tires venceu fora o FC São Francisco, por 7-8, resultados, tal como o dos canarinhos, sem influência nas contas para a manutenção.

Na penúltima jornada, que terá lugar no dia 21 de Abril, às 16h00, o CF Sassoeiros recebe o CF São Francisco, o Reguilas de Tires joga em Massapés o dérbi com Estoril Praia, enquanto o CDR “Os Vinhais” defronta o Albufeira Futsal em solo algarvio.

Resultados:
Femininos/Seniores – S Benfica-CRC Quinta dos Lombos, 7-0.
Taça Nacional – Futsal Feijó-Leões de Porto Salvo, 5-3.
Masculinos/Sub-20/Fase final – Leões de Porto Salvo-Caxinas, 1-2; CRC Quinta dos Lombos-CS São João, 1-5.
 
“Os Vinhais” a uma vitória da salvação,
Estoril, Reguilas e Sassoeiros sem pressão



23.Abr.18 - Diz o ditado, que ‘a esperança é a última coisa a morrer’, e a verdade é que a frase cai que nem uma luva no momento que o CDR “Os Vinhais” vive, pois na jornada 4 da ”Série F” estava quase de regresso aos distritais, na jornada 6, e depois de duas vitórias, está a um pequeno passo de conquistar a manutenção na divisão secundária nacional.

Para que a festa seja uma realidade, a formação agora comandada por Rogério Ferreira necessita apenas de somar os três pontos na derradeira partida com o Reguilas de Tires, jogo apontado para o próximo sábado, dia 28, às 16h00, no pavilhão do Bairro Além-das-Vinhas, um dos dois dérbis da última jornada, a outro, o Estoril Praia-CF Sassoeiros, tem lugar no mesmo dia e hora no pavilhão de Alcabideche, e que marcam a despedida da época.

Nos encontros da jornada do passado fim-de-semana, o CDR “Os Vinhais” somou uma vitória importante e fundamental com o seu adversário directo na luta pela manutenção, o Albufeira Futsal, no Algarve, por 4-9, enquanto o CF Sassoeiros vencia o FC São Francisco, por 7-6, e o Estoril Praia derrotava o Reguilas de Tires, em Massapés, por 5-6, equipas que sem qualquer pressão e que apenas cumprem calendário já que têm o seu lugar garantido no nacional da 2.ª divisão em 2018/2019.

Ao CDR “Os Vinhais”, neste momento com 18 pontos, o segundo pior das cinco séries continentais, só a vitória interessa pois apenas uma equipa conta menos pontos, o Âncora Praia, com 17, mas com um jogo fácil na jornada de sábado, situação que deixa a formação de São Domingos de Rana como a pior e como tal com o passaporte para os distritais, já que todas as outras equipas somam 19 ou mais pontos e está claro o Albufeira Futsal pode vir a somar pontos na partida com o tavirense Sonâmbulos.

Resultados:
Femininos/Seniores – CRC Quinta dos Lombos-FC Vermoim, 4-3.
Taça Nacional – Fronteirense-Leões de Porto Salvo, 0-18.
Masculinos/Sub-20/Fase final – CRC Quinta dos Lombos-Leões de Porto Salvo, 5-5.
Sub-17/Fase final – Beira Mar-Leões de Porto Salvo, 3-8.
Juvenis/Taça Nacional – Pedra Mourinha-Futsal Oeiras, 2-11.
Iniciados/Taça Nacional – CF Sassoeiros-AM Bairro Novo, 4-4.
Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – Presa Casal Rato-Dramático de Cascais, 2-3; Fundação Salesianos-GRF Murches, 0-8; CRC Quinta dos Lombos B-Casa Povo Arcena, 5-2; Monte Agraço-Futsal Oeiras, 1-3; CDR “Os Vinhais”-Os Torpedos, 4-2.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – Frassati-Unidos Caxienses, 2-2; Futsal Oeiras-Presa Casal Rato, 5-1.
Juniores/I Divisão Manutenção – CDR “Os Vinhais”-Novos Talentos; Reguilas de Tires-GROB.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Dramático de Cascais-JOMA, 3-4.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – Jardim Amoreira-CDR “Os Vinhais”, 13-7.
Iniciados/I Divisão Manutenção – Milharado-Futsal Oeiras, 6-4; AM Portela-Leões de Porto Salvo, 5-1.
 

Leões de Porto Salvo, 1 – Burinhosa, 3
 
Houve atitude, bolas nos postes, mas
faltou calma e golos aos porto-salvenses



9.Abr.18 - Mais uma derrota, não por falta de atitude dos pupilos de Rodrigo Pais de Almeida e Nuno Duarte, os quais podem queixar-se de três bolas nos postes, de uma barreira defensiva e de um guarda-redes, quase, intransponível, no entanto a falta de jogadores que acompanhem o quatro que iniciou a partida, Diogo Santos, Ré, Rúben Santos e João Silva, é sem sombra de dúvida o calcanhar de Aquiles da formação do Leões de Porto Salvo.
 

Com João Marçal e Teka abaixo do seu nível, ficando apenas com Marinho e Danny para equilibrar a equipa, e a falhar de forma incrível quando jogou em superiodidade entre o minuto 17,39 e o 19,39, por expulsão de um jogador do Burinhosa, tal como aconteceu na partida com o Lombos, é difícil ao Leões de Porto Salvo somar os três pontos tão necessários para poder sair da posição incómoda, impensável e inacreditável, que tem na tabela da Liga.

Três golos sofridos, apenas um marcado, por João Silva, que repõs a igualdade no lance seguinte do golo forasteiro (23m), foram causadores da 15.ª derrota da formação porto-salvense em 23 jornadas, quatro infimos pontos conseguidos nos últimos oito jogos, seis dos quais com equipas do seu campeonato, é muito pouco para um conjunto que fez vibrar os seus adeptos na partida com o SL Benfica, em que sofreu uma derrota injusta, imerecida e que mereceu os maiores elogios da comunicação social nacional, um pequeno pecúlio que mantém o Leões de Porto Salvo em lugar de descida, o 13.º, com 18 pontos, a um do Fabril do Barreiro (12.º) e a seis do Rio Ave (11.º), equipas que nas três derradeira jornadas vão discutir a continuidade entre os grandes da modalidade.

Segue-se a ida a Valbom para defrontar o Unidos Pinheirense, equipa que luta por um lugar na fase final, como tal um jogo que não será fácil, esperando-se que o Leões de Porto Salvo na tarde de domingo, dia 15, conte com os seus elementos mais válidos, seguem-se duas finais, dia 28 com o Fabril do Barreiro, em casa, onde a vitória é fundamental, e a 5 de Maio a deslocação ao Restelo, três jogos em que apenas, e por cauda desta derrota com a Burinhosa, a formação de Porto Salvo tem de somar seis pontos para garantir a salvação.
 
Quinta dos Lombos garante permanência
e mantém luta por um lugar no “Grupo 8”



9.Abr.18 - No Fundão, uma vez mais, a formação de Rodrigo Barreiros demonstrou que os jogos perdem-se apenas no final dos 40 minutos, uma característica e forma de encarar os encontros que ao longo da época, e que valeu, em alguns, ao CRC Quinta dos Lombos os pontos fundamentais para garantir, matematicamente, a três jornadas do fim do campeonato a permanência, estando ainda na luta por um lugar na fase final, em que possívelmente para que tal aconteça, apesar de ter pela frente Sporting de Braga e SL Benfica nos dois derradeiros jogos, somar seis pontos.

A derrota perante a AD Fundão, por 3-2, depois de estar a perder por 3-0, foi discutida até ao apito final após os golos ao minuto 36, por Hugo Eduardo logo seguido de um auto-golo fundanense, que levou a formação de Carcavelos a carregar na procura do empate que daria ao CRC Quinta dos Lombos a 7.ª posição isolada da tabela, sem esse precioso ponto os pupilos de Rodrigo Barreiros somam 28 pontos, os mesmos do Belenenses (8.º) e Burinhosa (9.º), preparando-se agora para receberem no próximo sábado, às 16h00, a formação do Futsal Azeméis.

Resultados:
Femininos/Seniores – CR Golpilheira-CRC Quinta dos Lombos, 3-3.
Masculinos/Sub-20/Fase final – Módicus Sandim-Leões de Porto Salvo, 6-3.
Sub-17/Fase final – Leões de Porto Salvo-Nogueiró e Tenões, 4-3.
Juvenis/Taça Nacional – Futsal Oeiras-AM Bairro Novo, 3-2.
Iniciados/Taça Nacional – Futsal Mora-CF Sassoeiros, 3-3.
Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – Pregança-Dramático de Cascais, 4-2; CRC Quinta dos Lombos B-GRF Murches, 5-2; GROB-Futsal Oeiras, 1-4; Fundação Salesianos-CDR “Os Vinhais”, 2-6.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – Academia Johnson-Futsal Oeiras, 2-5; Unidos Caxienses-PSAAC, 2-3.
Juniores/I Divisão Manutenção – CPCD-CDR “Os Vinhais; Marista Lisboa-Reguilas de Tires, 7-0.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Sporting Vila Verde-Dramático de Cascais, 2-3.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – Academia Johnson-CDR “Os Vinhais”, 7-4.
Iniciados/I Divisão Manutenção – Futsal Oeiras-Liberdade AC, 5-2; Leões de Porto Salvo-Academia Ciências, 2-0.
 

CRC Quinta dos Lombos, 4 – Leões de Porto Salvo, 2
 
Vitória do Lombos em dérbi rasgadinho
após, mais uma, tremedeira final do Leões
• Dupla de arbitragem sem categoria



1.Abr.18 - Pode o Leões de Porto Salvo queixar-se da arbitragem no minuto final, tal como o CRC Quinta dos Lombos em pelo menos dois lances na primeira metade, mas a verdade é que a derrota, uma vez mais, começou com a negligência dos jogadores de Rodrigo Pais de Almeida ao minuto 34 que resultou no 2-2, a partir daí o que estava a ser um caminho sem buracos passou a sê-lo cheio deles, os erros sucederam-se, os nervos apoderaram-se de Ré e Cª, um filme visto e revisto esta época.
 

Dois momentos aproveitados, e bem, como lhes competia pelos pupilos de Rodrigo Barreiros, que poderiam ter entre o minuto 37 e 39 perdido o jogo caso a formação do Leões de Porto Salvo tivesse feito o que lhe competia, marcar o 2-3, já que jogava com mais um jogador de campo por expulsão de Ricardo Andrade, mas tal não aconteceu porque a calma e o discernimento dos porto-salvenses nessa altura era quase nula em contraste com a garra dos carcavelenses, situação que teve e muito com o desnorte final.

No entanto, quando os protagonistas são os homens do apito, está tudo dito em relação a um qualquer jogo de qualquer modalidade, e o que se passou nos minutos finais do dérbi da Linha manchou, sim manchou uma partida que em determinados momentos foi bem disputada, equilibrada, que não merecia a forma como a dupla Rui Ventura (Guarda) e Francisco Costa (Viseu) dirigiu o encontro, pois os seus muitos erros, que não aconteceram apenas no derradeiro minuto, diz bem da qualidade que a arbitragem vive nos dias de hoje, em que, no futsal, as duplas com competência não chegam à meia dúzia para mal da modalidade.

A vencer por 0-2, golos de Ré aos 18 e 30 minutos, o Leões permitiu de forma infantil o 2-2 em meia dúzia de segundos no minuto 34, por Hugo Eduardo e Alesandro, o primeiro com o Lombos a jogar em 5x4 numa falha defensiva das que tem sucedido amiúde, por inépcia, e que pelos vistos não deixam de acontecer, o segundo, bem o segundo, por displicência enorme de Rúben Santos, uma brincadeira que acabou por lhe roubar o mérito dos golos que marcou.

Ao contrário, a formação de Rodrigo Barreiros, sempre muito lutadora, não baixou os braços como fez a de Rodrigo Pais de Almeida quando vencia por 0-2, julgando que os três pontos estavam mais que conquistados, numa segunda edição do jogo anterior com o Desportivo das Aves, só que desta vez os golos finais foram de Eddy, de livre da marca dos 10 metros, e do guardião Miguel Carvalho.

Mas, se a derrota foi má, pior foi o resultado do Fabril do Barreiro com o Rio Ave, que deixa, praticamente, a luta pelo único lugar em aberto de manutenção entre o Leões de Porto Salvo (18 pontos) e o Fabril do Barreiro (19 pontos), já o CRC Quinta dos Lombos, com 28 pontos, descansa no 8.º lugar com a possibilidade de entrar na fase final, tendo já a certeza que a permanência está garantida.

Agora, enquanto o CRC Quinta dos Lombos joga no Fundão, no próximo sábado, às 19h00, têm início as quatro finais do Leões tendo em vista a salvação de uma equipa, cheia de ‘estrelas’, mas que ao longo da época não têm sido candentes nas quatro linhas de jogo, talvez esteja na hora, de em Porto Salvo, perante a Burinhosa, mostrarem uma iluminação maior para podeerem vencer a ‘guerra’ com o Fabril do Barreiro, cuja batalha final está marcada para a penúltima jornada, a 28 de Abril, perante os adeptos porto-salvenses.
 
Quinta dos Lombos-Leões de Porto Salvo
este sábado, às 16h00, em Carcavelos



29.Mar.18 - É o regresso à competição dos dois emblemas nos dois primeiros lugares do ‘top 10’ nacional de atletas inscritos esta época, tal como já acontecia na anterior, o Leões de Porto Salvo na liderança, com 241 futsalistas inscritos, o CRC Quinta dos Lombos como vice líder, com 196, tabela que conta ainda com o Clube Futsal de Oeiras, na 6.ª posição, com 155 atletas, à frente do SL Benfica (147) numa lista em que o campeão Sporting CP está em 4.º lugar, com 162 inscritos.
 

Regresso que tem lugar este sábado à tarde, às 16h00, altura em que os pupilos de Rodrigo Barreiros e Rodrigo Pais de Almeida vão dar o pontapé de saída de um dérbi em que a vitória é fundamental para o Leões de Porto Salvo, equipa que necessita de somar os pontos devido à sua tremida e débil posição na tabela, em lugar de descida, enquanto o CRC Quinta dos Lombos, em lugar bem mais estável, mas ainda não a salvo, pode com uma vitória descansar no que diz respeito à manutenção.

Entretanto está igualmente de volta o que resta da luta pela permanência na divisão secundária, onde Estoril Praia, Reguilas de Tires e CF Sassoeiros já estão sentados confortavelmente quando faltam três jornadas para as contas finais, situação que não acontece com o CDR “Os Vinhais”, com a manutenção bem mais complicada após a inesperada derrota caseira na jornada anterior com o lanterna-vermelha.

Este sábado, dia 31, joga-se a 5.ª jornada com os seguintes encontros: Estoril Praia-CDR “Os Vinhais” (18h00); Sonâmbulos-CF Sassoeiros; FC São Francisco-Reguilas de Tires.
 
Reguilas afastado por gigante SL Benfica
Lombitas em frente na “Taça de Portugal”



26.Mar.18 - Demorou 10 minutos a resistência dos pupilos de Pedro Nova perante um dos colossos da modalidade, o SL Benfica, golo que abriu as portas para uma derrota normal e que o guardião Gutta fez para que tal não acontecesse no permanente assédio à sua baliza desde o apito inicial.
 

O encontro entre o Reguilas de Tires e o SL Benfica para os oitavos-de-final da ”Taça de Portugal” masculina, que levou algumas centenas de adeptos ao pavilhão de Massapés, entre os quais Nuno Piteira Lopes, vereador de Desporto da Câmara Municipal de Cascais, e Maria Fernanda Gonçalves, presidente da Junta de Freguesia de São Domingos de Rana, terminou com a vitória da formação encarnada, por 3-7, com 0-4 ao intervalo, com golos de Bruno Gomes (2) e Michal, resultado que deixa a formação do concelho de Cascais afastada da ”Final 8” a disputar entre 10 e 13 de Maio próximo.

Recorde-se que o Reguilas de Tires, sob o comando de Pedro Nova, foi igualmente afastado nos oitavos-de-final na prova da época passada, perdendo nas grandes penalidades (5-6) com a AM Portela.

No final da partida, e quando o Reguilas de Tires tem a manutenção garantida em 2018/2019 na divisão secundária, ficou a saber-se da não continuidade da equipa técnica de Pedro Nova, situação que o jovem treinador fez questão de justificar pela falta de acordo com a direcção do clube e sem grande história, apesar da vontade de continuar o trabalho desenvolvido, deixando entender haver ambições diferentes por isso o fecho de um ciclo que Pedro Nova agradece ao emblema de São Domingos de Rana, vincando no entanto que não tem projecto algum em vista, estando no entanto tranquilo.

Na prova feminina, vitória do CRC Quinta dos Lombos sobre o Leões de Porto Salvo, por 0-3, resultado que deixa as jovens lombitas na ”Final 8” com o SL Benfica, Sporting CP, Novasemente, FC Vermoim, RC Penaguião, EDC Gondomar e GCR Nun’Álvares, na mesma data da competição masculina, ainda com local a designar.
 

Resultados:
Masculinos Sub-20/Fase final – SL Benfica-Leões de Porto Salvo, 4-1; Módicus Sandim-CRC Quinta dos Lombos, 4-2.
Sub-17/Fase final – Leões de Porto Salvo-Unidos Pinheirense, 1-5.
Taça Nacional/Juvenis – Futsal Oeiras-Pedra Mourinha, 7-3.
Taça Nacional/Iniciados – AM Bairro Novo-CF Sassoeiros, 6-3.

Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – Dramático de Cascais-CRC Quinta dos Lombos B, 2-4; CDR “Os Vinhais” B-Pregança, 5-3; GRF Murches-Internacional Lisboa, 3-2; Os Torpedos-Futsal Oeiras, 1-4; Presa Casal Rato-Fundação Salesianos, 4-4.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – Futsal Oeiras-Unidos Caxienses, 5-2.
Juniores/I Divisão Manutenção – CDR “Os Vinhais”-Arroja; Reguilas de Tires-CPCD, 1-2.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Dramático de Cascais-Marista Lisboa, 6-3.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – CDR “Os Vinhais”-Patameiras, 9-0.
Iniciados/I Divisão Manutenção – Infantado-Futsal Oeiras, 5-3; Milharado-Leões de Porto Salvo, 3-2.
Distritais Femininos/I Divisão – CRC Quinta dos Lombos-GD Operário, 2-1.
 

Leões de Porto Salvo, 3 – Desportivo das Aves, 1
 
Do sofrimento à festa da vitória em segundos


18.Mar.18 - Quarenta minutos divididos em duas partes distintas, a primeira até ao minuto 19, altura em que Fábio Aguiar (que fez a sua estreia perante os adeptos em Porto Salvo), de forma displicente, falha o golo da marca dos seis metros, a que se seguiu a segunda até aos 37 minutos que acabou por marcar uma vitória que a não ser concretizada deixaria o Leões de Porto Salvo em sérios riscos de se manter entre os grandes, luta que dirime com o Fabril do Barreiro e Rio Ave.
 

E se o golo de Danny, aos 15 minutos, numa altura em que os pupilos de Rodrigo Pais de Almeida eram donos e senhores de um jogo perante o Desportivo das Aves, equipa que apesar de estar praticamente na divisão secundária luta ainda não atirou a toalha ao chão, um conjunto que joga um futsal directo e veloz que cria muitas dificuldades às defensivas contrárias, a ida para o intervalo não fez bem aos porto-salvenses pois das transições rápidas e o futsal entrosado e acutilante sobre a baliza contrária a formação do Leões passou a ser passiva, displicente, faltosa, cada um a jogar por si, situação que levou ao golo adversário, aos 23 minutos, na marcação de um canto, que entrou directamente nas redes de Bruno Marques, um golo que ditou tremeliques e que pôs em causa os três pontos em jogo.

E se no melhor pano, por vezes, cai a nódoa, ela aconteceu em dois jogadores porto-salvenses que não mereciam, Danny, que estava a cotar-se como o melhor em campo, e o jovem guarda-redes Bruno Marques que, quer antes, quer depois do golo avence, fez meia dúzia de defesas espectaculares, o minuto 35, o da expulsão de Danny, que deixou o Leões de Porto Salvo a jogar com três elementos de campo, acabou por ser o início de uma vitória, ‘tirada a ferros’, ainda com o Desportivo das Aves em supremacia de jogadores de campo (4x3), num lance totalmente protagonizado por Rúben Santos, um roubo de bola junto à área porto-salvense, ‘cavalgada’ rumo à baliza contrária, ‘nó’ ao derradeiro defesa, remate com o pé esquerdo e golo, era o 2-1 com o marcador a assinalar o início do minuto 37.

Segundos depois, João Marçal fazia o 3-1 que fez descansar, e não só, os muitos adeptos que marcaram presença nas bancadas do Complexo Desportivo de Porto Salvo, onde Diniz Antunes, presidente da Junta de Freguesia, seguia o jogo na companhia do presidente Jorge Delgado, golo que fez a festa do Leões dentro e fora das quatro linhas.

Uma vitória que mantém o Leões de Porto Salvo na 13.ª posição, já que o Fabril do Barreiro saiu igualmente vitorioso na jornada, com 18 pontos, menos um que os barreirenses (12.ª) e três que o Rio Ave (11.ª), segue-se a ida ao recinto do CRC Quinta dos Lombos, no último dia de Março, ficando a faltar quatro partidas – Burinhosa (casa), Unidos Pinheirense (fora), Fabril do Barreiro (casa) e Belenenses (fora) –, para as contas finais, a com o Fabril pode ser fundamental para a manutenção, mas não só pois a equipa de Rodrigo Pais de Almeida, Nuno Duarte e Luís Brito, tem de encarar todos os adversários como se fossem o SL Benfica, se não o fizer pode vir a sofrer novos desaires como o que aconteceu na jornada anterior em Gaia.
 
Quinta dos Lombos goleado em Alvalade


18.Mar.18 - Esperada e que não deslustra o caminho do CRC Quinta dos Lombos tem vindo a efectuar no nacional maior, uma derrota que constava certamente nas que Rodrigo Barreiros sabia que os seus pupilos iriam sofrer nas 26 jornadas, pois tinha pela frente um dos clubes profissionais, o Sporting CP, campeão em título, uma máquina de fazer golos, sem qualquer derrota, por isso o 8-0 final trazido do pavilhão João Rocha não impede a formação auri-negra de continuar a lutar por um lugar no ’Grupo 8’.

Partida que os leões tiveram grandes dificuldades de chegar ao primeiro golo, que aconteceu à passagem do 15.º minuto, muito por culpa da brilhante oposição do jovem guarda-redes Edu e da marcação alta que Eddy e companhia faziam aos jogadores leoninos, golo que acabou por abrir o caminho para outros quatro na primeira metade e que ditaram a 10.ª derrota do CRC Quinta dos Lombos na Liga, onde agora ocupa a 10.ª posição na tabela, com 25 pontos, devido ao goal-verage apesar da igualdade pontual com o Burinhosa (9.ª), Belenenses (8.ª) e AD Fundão (7.ª).

Na jornada que se segue, o CRC Quinta dos Lombos recebe o Leões de Porto Salvo, jogo em que os três pontos são importantes para qualquer dos dois emblemas da Linha, partida que está apontada para dia 31, às 16h00, no Complexo Desportivo dos Lombos, em Carcavelos, já que no próximo fim-de-semana joga-se mais uma eliminatória da ”Taça de Portugal”, competição que já não conta com a participação de carcavelenses.
 
Sassoeiros e Reguilas juntam-se ao Estoril
• “Os Vinhais” complica permanência



19.Mar.18 - A inesperada derrota caseira do CDR “Os Vinhais” com o lanterna-vermelha FC São Francisco, por 5-6, deixa o conjunto de Rogério Ferreira em situação muito complicada no que diz respeito à manutenção, quando faltam três jornadas para as contas finais e com um calendário de jogos bem mais difícil que os adversários directos, o Albufeira Futsal, equipa que visita a 7 de Abril, e o CR Piedense, formação que nas três partidas em falta joga com os dois últimos da tabela.
 

No entanto tudo ainda pode acontecer, já que o CDR “Os Vinhais” defronta nos restantes encontros o Estoril Praia (fora), e o Reguilas de Tires (casa), emblemas que juntamente com o CF Sassoeiros estão em lugares confortáveis que garantem a três jornadas do fim um lugar no nacional secundário de 2018/2019.

O conjunto de João Gonçalves ao vencer o CR Piedense, por 2-1, e a formação de Pedro Nova ao derrotar o Sonâmbulos, por 5-2, juntaram-se ao de Nuno Chumbo, que não teve dificuldades em ultrapassar o Albufeira Futsal, por 7-3, resultados que ajudavam o CDR “Os Vinhais”, caso este tivesse cumprido a obrigação de vencer, a estar a um pequeno passo de se manter nos nacionais.

No próximo fim-de-semana apenas o Reguilas de Tires vais estar em campo, com o pavilhão de Massapés, em São Domingos de Rana, a ser palco domingo, às 18h00, do encontro com o SL Benfica para os oitavos-de-final da ”Taça de Portugal”.

No dia 31 regressa o nacional secundário, apuramento de manutenção, com o seguinte calendário de jogos: Estoril Praia-CDR “Os Vinhais” (às 16h00 no pavilhão de Alcabideche); Sonâmbulos-CF Sassoeiros; FC São Francisco-Reguilas de Tires.
 

Resultados:
Nacionais Femininos/Seniores Apuramento Campeão – CRC Quinta dos Lombos-Novasemente, 1-5.
Taça Nacional/Seniores – Leões de Porto Salvo-Fronteirense, 8-1.
Masculinos Sub-20/Fase final – Leões de Porto Salvo-Ossela, 8-3; Caxinas-CRC Quinta dos Lombos, 6-2.
Sub-17/Fase final – Caxinas-Leões de Porto Salvo, 3-0.
Taça Nacional/Juvenis – Borbense-Futsal Oeiras, 0-10.
Taça Nacional/Iniciados – CF Sassoeiros-Sonâmbulos, 0-6.

Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – CRC Quinta dos Lombos B-CDR “Os Vinhais” B, 5-2; Internacional Lisboa-Dramático de Cascais, 4-2; Futsal Oeiras-3 de Agosto, 6-1; Fundação Salesianos-Os Torpedos, 3-4.
Juniores I Divisão Apuramento Campeão – Futsal Oeiras-Infantado, 4-3; Unidos Caxienses-Presa Casal Rato, 5-0.
Juniores/I Divisão Manutenção – CDR “Os Vinhais”-Reguilas de Tires, 5-1.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – Bairro da Boavista-Dramático de Cascais, 9-4.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – Marista Lisboa-CDR “Os Vinhais, 1-4.
Manutenção – Futsal Oeiras-São Brás, 5-3; Leões de Porto Salvo-Liberdade AC, 4-4.
 
Estoril Praia garantiu permanência,
Reguilas e Sassoeiros a um passo,
“Os Vinhais” vence e ainda respira



11.Mar.18 - A quatro jornadas das contas finais, e depois da 3.ª ter sido cem por cento vitoriosa para os emblemas do concelho de Cascais, quatro vitórias fora de portas, do Estoril Praia com o C São Francisco, por 2-4, com golos de Bruninho, Luizinho, Pedro Martins e Paulo Xavier, do CF Sassoeiros com o Albufeira Futsal, por 4-5, com um hattrick de Kiko, e um golo de Fábio Vieira e Renato, do Reguilas de Tires perante o CR Piedense, por 1-5, e do CDR “Os Vinhais” perante o Sonâmbulos, por 1-3, esta a mais importante pois mantém a formação do Bairro Além-das-Vinhas com a porta entreaberta do 4.º e último lugar de manutenção na divisão secundária.
 

Permanência que o Estoril Praia (1.º com 27 pontos) já garantiu, o Reguilas de Tires (2.º com 22 pontos) e o CF Sassoeiros (3.º com 20 pontos) podem garantir na próxima jornada na recepção ao Sonâmbulos, às 18h00, em São Domingos de Rana, e ao CR Piedense, às 17h00, em Sassoeiros, jogos da 4.ª jornada em que o CDR “Os Vinhais” (5.º com 12 pontos) precisa de vencer em casa (18h00) o FC São Francisco e esperar que o Estoril Praia faça o mesmo em Alcabideche com o Albufeira Futsal (4.º com 15 pontos), para trocar de posição com os algarvios, equipa que defrontam a 7 de Abril, dia em que a 4.ª posição pode ficar definida.

Resultados:
Nacionais Femininos/Seniores Apuramento Campeão – Nun’Álvares-CRC Quinta dos Lombos, 3-2.
Masculinos Sub-20/Fase final – Sporting CP-Leões de Porto Salvo, 9-4.
Sub-17/Fase final – Leões de Porto Salvo-SL Benfica, 1-5.
 
Festival de golos oferecidos na derrota do Leões


11.Mar.18 - Não há clube que resista quando a defesa das suas redes é um buraco sem fundo, a maioria dos sete golos sofridos pelo Leões de Porto Salvo, na partida com o Módicus Sandim, em Gaia, foram oferecidos de mão beijada pelos porto-salvenses, alguns por falta de marcação inacreditável, e quando assim é por muito os que se marquem na baliza contrária a vitória é difícil, mesmo impossível.
 

Sem Bebé, e com Hélder Fernandes na baliza, expulso aos 28 minutos, e ainda sem Fábio Aguiar e Teka, a formação de Rodrigo Pais de Almeida foi a primeira a marcar, por Ré, aos 5 minutos, golo que não serviu, no entanto, de grande estímulo, foi sol de pouca duração, já que os erros defensivos cedo deixaram a equipa anfitriã no comando, por 3-1, no final dos primeiros 20 minutos.

A segunda metade começou com nova oferta, Marinho, aos 26m, reduziu para 4-2, João Marçal, aos 30m, ainda chegou aos 4-3, Dany, aos 36m, aos 5-4, dando esperanças de o Leões regressar, pelo menos, com um ponto, mas novas ofertas deitaram tudo a perder, o Módicus chegou ao 7-4, Diogo Santos, aos 39m, deu o toque final (7-5) a um jogo que deve ser visto e revisto, pois a 13.ª derrota foi causada por um autêntico desastre defensivo.

Com 15 pontos em 20 jogos, e a ocupar um dos lugares de descida, o Leões de Porto Salvo tem pela frente seis finais, a primeira no próximo sábado, às 19h00, com o lanterna-vermelha Desportivo das Aves, segue-se o CRC Quinta dos Lombos (fora), Burinhosa (casa), Unidos Pinheirense (fora), Fabril do Barreiro (casa) e Belenenses (fora), seis partidas em que, pelo menos, o Leões tem de somar quatro vitórias, uma delas no encontro com o Fabril, equipa que juntamente com o Rio Ave (cujo calendário é o mais difícil), estão na luta pelos dois lugares em aberto da permanência na elite.
 
Lombos vence e regressa ao ‘Grupo 8’


9.Mar.18 - Depois da derrota ao cair do pano no anterior jogo em casa, desta vez foi a formação do CRC Quinta dos Lombos, que a perder por 1-2 e a jogar em 5x4, a virar o resultado negativo em positivo, aos 36 minutos, com os golos de Gonçalo Sobral (2-2) e Eddy (3-2), na conversão de um livre directo da marca dos 10 metros, ao minuto 37, jogador que aos 13 minutos da primeira parte tinha feito o 1-1 depois do golo que pôs o Belenenses na frente do marcador estavam decorridos 8 minutos.
 

Três pontos, que voltam a deixar a equipa de Rodrigo Barreiros entre os oito primeiros da tabela, na derradeira posição dos que vão discutir a fase seguinte, com 25 pontos, mais um que os azuis de Belém, com nove e dez sobre o Fabril do Barreiro e Leões de Porto Salvo, que este sábado não têm jogos fáceis, vantagem que nas seis jornadas que faltam podem ser suficientes para a permanência entre os grandes, apesar do calendário de jogos que aí vem não seja de todo fácil – Sporting CP (fora), Leões de Porto Salvo (casa), AD Fundão (fora), Futsal Azeméis (casa), Sporting de Braga (fora) e SL Benfica (casa), a não ser que venha aí um ‘terramoto’, ou seja um pleno de derrotas nos seis encontros em questão e que o Fabril ou o Leões somassem quatro vitórias na meia dúzia de jogos.

Segue-se a partida com o Sporting CP, no pavilhão João Rocha, em Alvalade, jogo apontado para sábado, dia 17, com transmissão na TVI24, que a manter os últimos horários passará para as 19h30 de domingo.
 
Vitória do Sassoeiros no dérbi com Reguilas,
Estoril e “Os Vinhais” com empates caseiros



5.Mar.18 - Derrotas apenas uma, a do Reguilas de Tires em casa no dérbi com o CF Sassoeiros (1-2), com os golos de Fábio Vieira e David Rosa a darem os três pontos ao conjunto comandado por João Gonçalves, enquanto os de Messi, Bruninho, Pedro Martins e Magina, não chegaram para o Estoril Praia vencer em Alcabideche a equipa algarvia do Sonâmbulos (4-4), empate caseiro que o CDR “Os Vinhais” também consentiu na recepção ao CR Piedense.

Resultados que mantém a formação de Carlos Alberto Costa em zona de descida, na 7.ª posição, com 9 pontos, da ”Série F”, a seis pontos da manutenção na divisão secundária quando vão ter pela frente no sábado a equipa do Sonâmbulos, jogo em Tavira, em que a derrota poderá ditar o regresso aos distritais, o CF Sassoeiros por sua vez joga em Albufeira com a equipa local, partida em que estará em disputa o 3.º lugar, que os sassoeirenses ocupam com 17 pontos, mais dois que os algarvios, a dois do Reguilas de Tires, que segue na 2.ª posição, com 19 pontos, e que se desloca à outra margem do Tejo para defrontar o CR Piedense, enquanto o líder Estoril Praia, com 24 pontos, bem mais descansado joga com o lanterna-vermelha CF São Francisco, em Alcochete.

Resultados:
Nacionais Femininos/Seniores Apuramento Campeão – CRC Quinta dos Lombos-Santa Luzia, 3-0.
Masculinos Sub-20/Fase final – Leões de Porto Salvo-CRC Quinta dos Lombos, 2-3.
Sub-17/Fase final – Belenenses-Leões de Porto Salvo, 3-1.

Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – Monte Agraço-Dramático de Cascais, 2-4; Atlético CP-GRF Murches, 0-3; Futsal Oeiras-Casa Povo Arcena, 3-2; CRC Quinta dos Lombos B-Fundação Salesianos, 10-3.
Juniores/I Divisão Apuramento Campeão – Futsal Oeiras-PSAAC, 3-5; Unidos Caxienses-Milharado, 2-2.
Juniores/I Divisão Manutenção – Reguilas de Tires-UP Venda Nova, 1-3; CDR “Os Vinhais”-GROB.
Juvenis/ Honra Apuramento Campeão – Academia Johnson-Futsal Oeiras, 1-4. Apuramento 3.º/4.º lugar – CRC Quinta dos Lombos-CDR “Os Vinhais”, 4-6.
I Divisão Apuramento Campeão – Dramático de Cascais-Frassati, 9-3.
Iniciados/I Divisão Apuramento Campeão – Sporting CP-CDR “Os Vinhais”, 3-1.
Manutenção – Futsal Oeiras-Leões de Porto Salvo, 2-8.

Femininos/Seniores Honra/Apuramento Campeão – Leões de Porto Salvo-Santa Iria, 3-1.
 

Leões de Porto Salvo, 3 – SL Benfica, 4
 
Imerecida, a derrota do Leões ao cair do pano,
num grande jogo seguido por centenas de milhar
• Bebé, campeão europeu, homenageado



5.Mar.18 - Sem Teka, Rúben Santos, João Silva e Fábio Aguiar, uns por impedimento federativo, outros por questões de saúde, o Leões de Porto Salvo entrou em campo com alguns ‘reforços’ da formação sub-20 perante o SL Benfica, partida que antes do apito inicial foi alvo de uma homenagem a Bebé, guarda-redes porto-salvense, e aos quatro jogadores encarnados que se sagraram campeões da Europa, cerimónia que o emblema do concelho de Oeiras representado por Jorge Delgado, presidente do Leões, e Armindo Cordeiro, presidente da Secção de Futsal do SL Benfica, fizeram questão de estar lado a lado no campo e no camarote, neste na companhia de Carlos Morgado, vereador da Câmara Municipal de Oeiras, e Dinis Antunes, presidente da Freguesia de Porto Salvo.
 

Jogo que algumas centenas de milhar de adeptos da modalidade seguiram através da TVI24, no entanto foram as cerca de cinco centenas que marcaram presença nas bancadas do Complexo Desportivo de Porto Salvo as que tiveram o privilégio de assistir ao vivo uma grande partida de futsal, onde a incerteza do resultado morou até aos derradeiros segundos, muito por culpa da enorme exibição da formação do Leões de Porto Salvo perante um dos grandes do futsal nacional, e porque não dizê-lo europeu e mundial.

Um duelo sempre difícil para os encarnados, e que não podia começar melhor para a formação agora comandada por Rodrigo Pais de Almeida, Nuno Duarte e Luís Brito, pois Diogo Santos, quando o marcador tinha apenas percorrido uns magros 20 segundos, ao fazer o 1-0 dava o primeiro sinal que o Leões de Porto Salvo não iria, uma vez mais, facilitar a vida ao SL Benfica, e se o primeiro golo causou surpresa o segundo, aos 6 minutos, por Dany, causou mais, ao deixar por um lado os adeptos encarnados preocupados, e por outro os porto-salvenses a vibrar com o 2-0 perante o vice-líder, equipa profissional e crónica candidata ao título.
 

Mas, depois do conjunto lisboeta chegar ao 2-2 antes do intervalo, e ao 2-3 à passagem do 23.º minuto, se alguém nas bancadas pensou que a porta estava aberta para a vitória encarnada, enganou-se, pois os pupilos de Rodrigo Pais de Almeida não baixaram os braços, não se encolheram, mantiveram a pressão alta sobre os encarnados de forma a tirarem partido da velocidade de Ré, Dany e Papa Unjanque, e do acerto defensivo de Diogo Santos e Marinho, reagiram, voltaram a rugir e chegaram ao 3-3, golo apontado por Cherif, aos 33 minutos, empate inteiramente merecido que no entanto acabou numa derrota injusta, mercê de um golo na própria baliza quando o relógio caminhava para os 40 minutos.

Bola ao centro, Diogo Santos a fazer de guarda-redes avançado, e uma vez mais o Leões de Porto Salvo a partir para cima da baliza forasteira para chegar de novo ao 4-4. E uma vez mais a sorte não esteve com a formação porto-salvense, empate que só não aconteceu nos instantes finais por azar, já que a 7 segundos do fim, depois de Ré ter feito a bola beijar o poste, a recarga, com a baliza benfiquista escancarada, não teve a melhor direcção, perdendo-se pela linha final.

Derrota marcada por um lance infeliz de Ré, que ele e os companheiros não mereciam, não só pela forma abnegada e aguerrida como lutaram durante a partida, irrepreensíveis a defender manietando as principais pedras benfiquistas, uma exibição e atitude colectiva premiada no final com uma enorme salva de palmas dos adeptos porto-salvenses.

Derrota que deixa o Leões na penúltima posição (13.ª), com 15 pontos, menos um que o Fabril do Barreiro (12.ª), menos três que o Rio Ave (11.ª) e mais sete que o Desportivo das Aves (14.ª), quando faltam sete jornadas para as contas finais, seguindo-se a primeira, em Gaia, com o Módicus Sandim, um adversário nada fácil, jogo marcado para a tarde do próximo sábado, dia 10, que pode marcar a tão ansiada recuperação, basta para isso que o Leões seja igual ao que esteve em Braga, onde a vitória esteve perto de acontecer.
 
Lombos conquista um ponto do Barreiro
• Esta quinta-feira há jogo com Belenenses


 

5.Mar.18 - Uma vez mais a formação do CRC Quinta dos Lombos viu fugir-lhe os três pontos na recta final do encontro com o Fabril, no Barreiro, depois de ter chegado ao 1-4 com golos de Alesandro, aos 2 e 4 minutos, Ricardo Andrade, aos 16m, e Varela, aos 17m, a que se seguiu o 2-4 que levou as duas equipas para descanso.

No reatamento da partida os barreirenses foram os primeiros a marcar, Gonçalo Sobral, aos 24 minutos, repôs a diferença de dois golos (3-5), seguindo-se o 4-5, Alexandro, aos 34, fez o terceiro da sua conta pessoal e o 4-6 para o CRC Quinta dos Lombos, uma vez mais tudo levava a crer que a vitória não fugiria de novo aos pupilos de Rodrigo Barreiros, mas o infortúnio voltou a bater à porta da formação de Carcavelos com o Fabril do Barreiro a conseguir chegar ao 6-6, evitando que os auri-negros somassem os três pontos na tabela.

Empate que no entanto serviu para o CRC Quinta dos Lombos subirem dois lugares, é agora 9.º, com 22 pontos, mais um que o Burinhosa (10.º) e menos dois que o seu próximo adversário, o Belenenses (8.º), jogo marcado para esta quinta-feira, dia 8, às 21h30, no pavilhão dos Lombos, em que a vitória deixa, de novo, a equipa de Rodrigo Barreiros no ’Grupo 8’.
 
Empate no dérbi Sassoeiros-“Os Vinhais”
Estoril Praia mais perto da permanência



26.Fev.18 - Foi o pontapé de saída das sete partidas que vão ditar os quatro clubes que vão permanecer na divisão secundário, jornada em que apenas o Estoril Praia, fora de casa com o CR Piedense (1-2), conquistou os três pontos da vitória que somados aos vinte que trazia da fase regular lhe confere a liderança isolada, com 23 pontos, seguido do Reguilas de Tires, com 19 pontos, que regressou derrotado de Albufeira (10-7), e do CF Sassoeiros, com 14 pontos, que perante os seus adeptos não foi além de um empate (3-3) com o CDR “Os Vinhais”, única equipa da Linha que ocupa um dos lugares de descida, o 7.º, com apenas oito pontos.

A segunda das sete jornadas vai ter lugar no próximo fim-de-semana, com o dérbi entre o Reguilas de Tires e o CF Sassoeiros a ser disputado ao final da tarde de domingo, dia 4 de Março, às 18h00, em Massapés, enquanto a recepção do Estoril Praia ao Sonâmbulos está apontada para sábado, dia 3, às 16h00, em Alcabideche, dia em que o CDR “Os Vinhais” recebe o CR Piedense, às 18h00, no Bairro Além-das-Vinhas.

Resultados:
Femininos/Seniores Apuramento Campeão – Sporting CP-CRC Quinta dos Lombos, 7-1.
Masculinos Sub-20/Fase final – CS São João-Leões de Porto Salvo, 4-1; CRC Quinta dos Lombos-Sporting CP, 0-7.
Sub-17/Fase final – Leões de Porto Salvo-Beira-Mar, 4-3.
 
Clube Futsal de Oeiras (juvenis) disputa
título de campeão e “Taça Nacional”



26.Fev.18 - Depois de na fase regular, entre 12 clubes, ter conquistado a primeira posição da tabela, com 25 pontos, mais um que o CRC Quinta dos Lombos e mais sete que o CDR “Os Vinhais”, equipas que estiveram na discussão de um lugar na final da divisão de Honra do distrital de juvenis, a formação do Clube Futsal de Oeiras alcançou esse objectivo ao derrotar nas grandes penalidades o conjunto de Carcavelos, após o 5-3 no tempo regulamentar, resultado que o cinco do CRC Quinta dos Lombos tinha conseguido na primeira mão das meias-finais, sendo necessário por isso a marcação de penáltis para conhecer o finalista.

Na outra meia-final, o CDR “Os Vinhais” foi igualmente afastado nas grandes penalidades, por 3-1, no recinto da Academia Johnson, após a derrota, por 5-3, vitória pelos mesmos números que os tirenses alcançaram na partida da primeira mão em casa, resultado que acaba por pôr o Clube Futsal de Oeiras frente à Academia Johnson na discussão do título do título distrital de 2017/2018, e que garante aos jovens oeirenses a participação na ”Taça Nacional”.

Masculinos/Seniores I Divisão – CDR “Os Vinhais” B-Monte Agraço, 6-3; Dramático de Cascais-Atlético CP, 5-2; CA Desportos-Futsal Oeiras, 1-3; GRF Murches-GROB, 5-2; Pregança-CRC Quinta dos Lombos B, 0-1.
Juniores/I Divisão Apuramento Campeão – Presa Casal Rato-Futsal Oeiras, 1-5; Unidos Caxienses-Frassati, 1-3.
Juniores/I Divisão Manutenção – GROB-Reguilas de Tires; Novos Talentos-CDR “Os Vinhais”.
Juvenis/I Divisão Apuramento Campeão – JOMA-Dramático de Cascais, 1-5.
Manutenção – Unidos Caxienses-Jardim Amoreira
Iniciados/Honra Apuramento Campeão – Sporting CP-CF Sassoeiros, 8-0.
I Divisão Apuramento Campeão – CDR “Os Vinhais”-Jardim Amoreira, 2-4.
Manutenção – Futsal Oeiras-Milharado; Leões de Porto Salvo-AM Portela, 0-2.
Femininos/Seniores Honra/Apuramento Campeão – Santa Iria-Leões de Porto Salvo, 1-2.
 

CRC Quinta dos Lombos, 2 – Unidos Pinheirense, 3
 
Vitória escapou nos dois últimos minutos


25.Fev.18 - Inglória e por culpa própria a derrota nos derradeiros dois minutos de jogo, iniciada com o primeiro dos três golos forasteiros, em 5x4, ao minuto 36, depois de Ricardo Andrade, aos 30, Ivo Oliveira, aos 31, terem colocado o CRC Quinta dos Lombos na frente do marcador numa partida em que as duas equipas tiveram algumas oportunidades de chegar ao golo, no entanto o auri-negro Miguel e o guardião contrário foram adiando o que veio a acontecer nos derradeiros 10 minutos.
 

Uma vez mais ficou provado que a melhor arma defensiva no que respeita ao sistema 5x4 é evitar que a formação contrária passe o meio campo sem qualquer oposição, pois enquanto não o fizer o guarda-redes avançado não poderá entrar em jogo, situação que o conjunto carcavelense não evitou, recuando de imediato para a sua área defensiva, o que levou que o Unidos Pinheirense a gozar perfeitamente do tempo que faltava para chegar ao golo, quando e caso fossem importunado na saída para o ataque o relógio não fosse tão benéfico e o 2-3 final não acontecesse, mas a liberdade como o homem que fazia de guarda-redes foi tanta, e tantas vezes o cântaro foi à fonte, que deu-se o que não era previsível, a derrota a escassos segundos do apito final.

Derrota que faz sair o conjunto comandado por Rodrigo Barreiros do ’Grupo 8’, é agora 10.º, com 21 pontos, longe no entanto dos lugares de descida e que são ocupados pelo Desportivo das Aves (8 pontos) e Fabril do Barreiro (15 pontos), este o seu próximo adversário, jogo marcado para a tarde de sábado, dia 3 de Março, no Barreiro.
 

A continuidade da equipa de Rodrigo Barreiros

Afinal, e ao contrário do que o Linha Desportiva deu conta no início de Fevereiro segundo Jorge Vieira, presidente do CRC Quinta dos Lombos, foi a direcção do emblema de Carcavelos que decidiu a não-continuação da actual equipa técnica na época que se avizinha, uma vez que não aceitou uma imposição de Rodrigo Barreiros, que tinha a ver com o afastamento do director desportivo.

Jorge Vieira, que elogiou o trabalho de Rodrigo Barreiros, e da sua equipa técnica, à frente da formação sénior, deixou vincada a sua posição na defesa do dirigente em causa, referindo-se igualmente de forma elogiosa ao seu trabalho no clube, deixando claro que a direcção não aceitou o repto e como tal a saída da actual equipa técnica no final da época, para a qual o CRC Quinta dos Lombos já arranjou substituta e que vai ser liderada por Jorge Monteiro, treinador que saiu há pouco tempo do Leões de Porto Salvo.
 
Leões depois do empate precioso em Braga
recebem domingo, às 19h30, o SL Benfica



25.Fev.18 - Igualdade, que esteve perto de ser uma vitória, do ‘novo’ Leões de Porto Salvo na difícil deslocação à Cidade dos Arcebispos, onde defrontou o 3.º classificado da tabela, o Sporting de Braga, jogo que terminou com a divisão de pontos mercê do 2-2 final, 1-1 nos 20 minutos iniciais, em que os bracarenses foram os primeiros a marcar (3m), Fábio Aguiar, aos 5, igualou a partida, na segunda metade Ré, aos 23, apontou o 1-2 que durou até aos 34, altura em que a formação minhota fez o golo da igualdade, a primeira concedida em casa no campeonato, onde apenas Sporting CP e SL Benfica lograram vencer.

Um ponto conseguido após quase dois meses da vitória forasteira sobre a AD Fundão (1-4), a que se seguiu a derrota caseira com o Futsal Azeméis (3-6) que deu azo à troca de Jorge Monteiro por Rodrigo Pais de Almeida, que no entanto não fez sair o Leões de Porto Salvo da posição incómoda em que se encontra na tabela da ”Liga”, o 12.º lugar, com 15 pontos, os mesmos do Fabril do Barreiro (13.º), ficando com uma necessidade de conquistar pontos, não só para se livrar dos dois lugares de descida mas essencialmente para entrar na luta pelo ’Grupo 8’.

O próximo adversário dá pelo nome de SL Benfica, é o vice-líder do campeonato, o encontro está apontado para domingo, às 19h30, no Complexo Desportivo de Porto Salvo com transmissão directa na TVI24, um duelo que ao longo dos anos não tem sido fácil para a formação encarnada, em que o Leões de Porto Salvo conta um maior número de resultados negativos mas sem grandes diferenças de golos nas últimas épocas, o último a derrota por 3-2 em Outubro passado na Luz, conseguindo mesmo uma vitória (3-2) nas meias-finais de 2011/12.
 
Estoril, Reguilas, Sassoeiros e “Os Vinhais”
disputam permanência no nacional secundário
• Este fim-de-semana há “Taça de Portugal”



12.Fev.18 - Depois dos festejos da conquista da selecção de Portugal do título europeu, em que participou de forma brilhante o guarda-redes porto-salvense Bebé, que o Linha Desportiva aproveita para lhe dar os parabéns, está aí no próximo fim-de-semana o regresso do Leões de Porto Salvo e CRC Quinta dos Lombos à competição depois de uma longa paragem, cerca de mês e meio, na disputa da 4.ª eliminatória da ”Taça de Portugal”, que marca o início das formações de elite na prova com o seguinte calendário de jogos:

Sábado, dia 17 – Sporting de Farense-Leões de Porto Salvo; ABC Nelas-Reguilas de Tires; Estoril Praia-AD Fundão (17h00 no pavilhão de Alcabideche).
Domingo, dia 18 – Burinhosa-CRC Quinta dos Lombos.

Entretanto, Estoril Praia, Reguilas de Tires, CF Sssoeiros e CDR “Os Vinhais” esperam o sorteio desta quinta-feira, na Cidade do Futebol, para saberem o calendário de jogos que vão ter pela frente para lutarem pela manutenção no nacional secundário, tarefa que os três primeiros emblemas do concelho de Cascais não devem ter dificuldades de conseguir, situação diferente pode ter o quarto, comandado por Carlos Alberto Costa, que na fase regular apenas conseguiu quatro vitórias em dezoito partidas.

Na derradeira jornada, como se esperava o Portimonense não perdeu a oportunidade que tinha de seguir em frente, tal como o conjunto canarinho de Nuno Chumbo acabou de vencer na deslocação a Albufeira, por 3-4, espreitando uma escorregadela dos alvi-negros, com golos de Pedro Martins (2) e Tiago Fernandes (2), vitória que foi fundamental para segurar a 3.ª posição, com 40 pontos, já que a formação de Pedro Nova, o Reguilas de Tires, que ocupava o 4.º lugar bateu o CF Sassoeiros, por 3-0, que lhe permitiu somar 38 pontos, enquanto a sassoeirense de João Gonçalves finalizou na 5.ª posição, com 26 pontos, mais doze que a do CDR “Os Vinhais”, derrotada em casa pelo CR Piedense, por 0-2, que não conseguiu melhor que o 8.º lugar.

Resultados:
Nacionais/Seniores Femininos/Fase final – FC Vermoim-CRC Quinta dos Lombos, 2-1.
Masculinos Sub-20/Fase final – Caxinas-Leões de Porto Salvo, 4-2; CS São João-CRC Quinta dos Lombos, 4-2.
Sub-17/Fase final – Nogueiró e Tenões-Leões de Porto Salvo, 8-3.

Distritais Masculinos/Seniores Taça AFL – Internacional Lisboa-Futsal Oeiras, 5-3.
Juniores/Honra Manutenção – Estoril Praia-Dramático de Cascais, 3-1; Fonsecas e Calçada-CF Sassoeiros, 0-2.
Juvenis/Honra Apuramento Campeão – CDR “Os Vinhais”-Academia Johnson, 4-5; Futsal Oeiras-CA Desportos, 5-7; AMSAC-CRC Quinta dos Lombos, 5-4.
Manutenção – CF Sassoeiros-SL Olivais, 10-1.
Iniciados/Honra Apuramento Campeão – Futsal Oeiras-CF Sassoeiros, 6-5.
Honra Manutenção – Frassati-Leões de Porto Salvo, 2-1; CRC Quinta dos Lombos-Sporting Torres, 3-4.

Femininos/Seniores Honra/Apuramento Campeão – Leões de Porto Salvo-Os Paulenses, 4-2.
Manutenção – Nova Morada-Pregança, 2-1.
I Divisão – CRC Quinta dos Lombos B-Alenquer RC, 5-2.
Juniores/Apuramento Campeão – Atlético Povoense-Leões de Porto Salvo, 3-3.
Juvenis – Unidos Caxienses-Leões de Porto Salvo, 3-2.
 
Estoril Praia, se vencer em Albufeira,
fica à espera da derrota do Portimonense



5.Fev.18 - Não será fácil, tanto a vitória do Estoril Praia no recinto do Albufeira Futsal, como a derrota do Portimonense com o Sonâmbulos, em Tavira, no entanto tudo pode ainda acontecer quando nada fazia prever a escorregadela da equipa de Portimão em casa perante a formação vizinha de Albufeira, situação que volta a manter a porta entreaberta da 2.ª posição na jornada do próximo sábado em que os canarinhos viajam de novo ao Algarve.
 

Nos encontros do passado sábado, destaque para a difícil vitória do Estoril Praia na recepção ao lanterna-vermelha FC São Francisco, por 4-3, com golos de Pedro Martins (2), Xavi e Cacau, e as vitórias fáceis do CF Sassoeiros, em casa, com o Sonâmbulos, por 5-2, com João Nogueira (2), Mauro Fonseca, João Pacheco e Ricardo André, a serem os marcadores de serviço, e do Reguilas de Tires no recinto do CR Piedense-Reguilas de Tires, por 0-3, enquanto o CDR “Os Vinhais” regressava de Faro com uma derrota, por 4-1, na partida com o SC Farense.

A derradeira jornada da fase regular do nacional secundário, para além do Albufeira Futsal-Estoril Praia, vai pôr frente a frente os cincos de Pedro Nova e João Gonçalves, em Murches, o CDR “Os Vinhais recebe o CR Piedense, jogos apontados para as 16h00 do próximo sábado.
 
Leões sub-17 iniciam fase final com vitória


5.Fev.18 - Fim-de-semana do pontapé de saída da fase final dos nacionais sub-20 e sub-17, onde Leões de Porto Salvo, nos dois escalões, e CRC Quinta dos Lombos, no júnior, disputam os títulos de campeões de 2017/2018, jornada em que os jovens juvenis porto-salvenses entraram com o pé direito, vencendo fora o Unidos Pinheirense, por 1-2, enquanto os dois cincos juniores iniciaram com derrota, o do Leões, em casa, com o SL Benfica, por 3-5, o do Quinta dos Lombos, no seu recinto, perante o Módicus Sandim, por 1-3.
Segue-se no próximo domingo, dia 11, a viagem dos sub-17 do Leões de Porto Salvo ao Minho, onde vão jogar com o Nogueiró e Tenões, em Braga, enquanto os sub-20 do CRC Quinta dos Lombos e Leões de Porto Salvo jogam fora com CS São João e Caxinas.

Resultados:
Nacionais/Seniores Femininos/Fase final – CRC Quinta dos Lombos-CR Golpilheira, 1-3.

Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – Monte Agraço-Fundação Salesianos, 4-3; 3 de Agosto-GRF Murches, 2-3; Internacional Lisboa-CRC Quinta dos Lombos B, 1-7; GROB-CDR “Os Vinhais” B, 4-3; Futsal Oeiras-Dramático de Cascais, 4-3.
Juniores/Honra Manutenção – SL Olivais-Estoril Praia, 5-6; Dramático de Cascais-Fonsecas e Calçada, 0-4; CF Sassoeiros-Atlético CP, 4-4.
I Divisão – Infantado-Reguilas de Tires, 5-2; Milharado-CDR “Os Vinhais”, 8-4; Frassati-Unidos Caxienses, 5-2; PSAAC-Futsal Oeiras, 2-8.
Juvenis/Honra Apuramento Campeão – Academia Johnson-Futsal Oeiras, 1-4; CRC Quinta dos Lombos CDR “Os Vinhais”, 5-9.
Manutenção – Presa Casal Rato-CF Sassoeiros, 6-4.
I Divisão – Dramático de Cascais-Tunelense, 9-3.
Iniciados/Honra Apuramento Campeão – CF Sassoeiros-Belenenses, 0-5; SL Benfica-Futsal Oeiras, 13-1.
Honra Manutenção – Leões de Porto Salvo-CRC Quinta dos Lombos, 4-2.
I Divisão – Leões de Porto Salvo-Patameiras, 2-3; CDR “Os Vinhais”-Futsal Oeiras, 6-2.

Femininos/Seniores/Apuramento Campeão – Técnico-Leões de Porto Salvo, 2-4.
I Divisão – 3 de Agosto-CRC Quinta dos Lombos B, 2-3.
Juniores/Apuramento Campeão – Leões de Porto Salvo-Atlético Povoense, 1-3.
Juvenis – CRC Quinta dos Lombos-Unidos Caxienses, 1-1; Leões de Porto Salvo-Santa Iria, 5-2.
 
Estoril, goleado, quase fora da fase final,
Sassoeiros e Reguilas cimentam posições



29.Jan.18 - A derrota é um dos três resultados possíveis em desporto, por isso não seria nunca algo inesperado na deslocação do Estoril Praia a Faro, no entanto, e após os 40 minutos de jogo, inesperada foi a goleada sofrida pela formação de Nuno Chumbo (9-1) perante um SC Farense que em casa já tinha sido batido pelo Reguilas de Tires e Portimonense, ainda para mais numa partida em que estava em jogo a presença na fase final da divisão secundária e respectiva subida à elite, situação que os canarinhos estão praticamente afastados pois, é impensável, a duas jornadas das contas finais os dois conjuntos algarvios perderem os seus dois jogos com equipas do fundo da tabela.
 

Resta ao Estoril Praia o play-off de despromoção, onde vão estar o Reguilas de Tires, que venceu o dérbi com o CDR “Os Vinhais”, por 3-1, e o CF Sassoeiros, que regressou de Albufeira com os três pontos da vitória sobre a equipa local (2-5), e está claro o cinco do Bairro Além das Vinhas, com esta a ter de fazer bem mais para evitar a queda nos distritais.

No próximo sábado, dia 3 de Fevereiro, joga-se a penúltima jornada da fase regular, em que será importante somar pontos, situação que o CDR “Os Vinhais” terá mais dificuldades pois desloca-e a Faro, enquanto CF Sassoeiros, com o Sonâmbulos, e o Estoril Praia, com o FC São Francisco, jogam perante os seus adeptos, com o Reguilas de Tires a fazer a travessia do Tejo para encontrar-se com o CR Piedense, partidas marcadas para as 16h00.
 

Resultados:
Distritais Masculinos/Seniores Taça AFL – Fundação Salesianos-Milharado, 2-4, Futsal Oeiras-Liberdade AC, 7-2.
Juniores/Honra Manutenção – Fonsecas e Calçada-Estoril Praia, 5-2; Atlético CP-Dramático de Cascais, 3-1; CF Sassoeiros-SL Olivais, 5-1.
I Divisão – Reguilas de Tires-Academia Johnson, 2-4; CDR “Os Vinhais”-Infantado, 6-7; Unidos Caxienses-GROB, 4-6; Futsal Oeiras-Marista Lisboa, 5-3.
Juvenis/Honra Apuramento Campeão – Futsal Oeiras-CDR “Os Vinhais”, 7-2; CA Desportos-CRC Quinta dos Lombos, 10-1.
Manutenção – CF Sassoeiros-Fonsecas e Calçada, 7-0.
I Divisão – GROB-Dramático de Cascais, 1-9.
Iniciados/Honra Apuramento Campeão – CF Sassoeiros-Sporting CP, 2-8; Futsal Oeiras-CA Desportos, 3-0.
Honra Manutenção – Arroja-CRC Quinta dos Lombos, 5-4; Shotokai Queluz-Leões de Porto Salvo, 3-2.
I Divisão – Futsal Oeiras-Leões de Porto Salvo, 4-5; AMSAC-CDR “Os Vinhais”, 8-3.

Femininos/Seniores/Apuramento Campeão – Juventude Castanheira-Leões de Porto Salvo, 3-5.
Manutenção – Nova Morada-UP Vendas Novas, 2-0.
I Divisão – CRC Quinta dos Lombos B-SL Benfica B, 3-0.
Juvenis – Unidos Caxienses-Sporting CP, 0-4; Santa Iria-CRC Quinta dos Lombos, 0-15; Atlético Povoense-Leões de Porto Salvo, 3-9.
 
Leões e Lombos na segunda fase
dos nacionais de sub-20 e juvenis



29.Jan.18 - Já são conhecidos os calendários da segunda fase dos nacionais de sub-20 e de juvenis, sorteio que teve lugar no Auditório da Cidade do Futebol, em Oeiras, onde as formações do Leões de Porto Salvo (sub-20 e juvenis) e CRC Quinta dos Lombos (sub-20) vão disputar os títulos dos dois escalões.

No sub-20, o Leões de Porto Salvo, no próximo domingo, dia 4, inicia a competição em casa perante o SL Benfica, defronta fora o Sporting CP na 6.ª jornada e joga em Porto Salvo o primeiro dérbi com o CRC Quinta dos Lombos a 3 de Março, por sua vez a formação de Carcavelos dá o pontapé de saída em casa com o Módicus Sandim, recebe o Sporting CP na 4.ª jornada e o SL Benfica na 6.ª jornada, situação contrária na segunda metade da provaque termina no primeiro fim-de-semana de Maio.

Em juvenis, o Leões de Porto Salvo joga fora de casa o primeiro encontro, com o Unidos Pinheirense, no domingo, dia 4 de Fevereiro, defronta igualmente fora o Sporting CP e o Belenenses na 3.ª e 5.ª jornada, e recebe na 6.ª o SL Benfica, invertendo-se os papeis na segunda volta, que tem a última jornada apontada para 5 de Maio.
 
Estoril precisa de empate ou vitória em Faro
* Sassoeiros em dificuldades com São Francisco



22.Jan.18 - A vitória do SC Farense em Portimão veio complicar um pouco as contas do Estoril Praia no que diz respeito à luta pelos dois lugares para seguir em frente na luta pelo título da divisão nacional secundária, e por sequência a subida à elite, que a acontecer juntaria certamente os canarinhos ao Leões e Lombos.

O lugar na fase seguinte, que juntará os dois primeiros de cada uma das seis séries, vai estar em jogo no próximo sábado, dia em que o Estoril Praia defronta o SC Farense, em Faro, partida em que os pupilos de Nuno Chumbo não podem sair derrotados já que este resultado põe praticamente os canarinhos de fora da fase seguinte, em que estará em causa a disputa do lugar que o emblema do concelho de Cascais luta desde a jornada inaugural.

A vitória seria ouro sobre azul, o empate era mal menor já que o Estoril Praia ficaria em vantagem sobre a formação algarvia devido ao 3-2 da primeira volta em Alcabideche, pois nos dois restantes encontros que faltam para terminar a fase regular os canarinhos têm pela frente dois adversários ultrapassáveis, o FC São Francisco em casa e o Albufeira Futsal fora.

Entretanto na jornada deste fim-de-semana, o Estoril Praia foi ao Bairro Além-das-Vinhas vencer o CDR “Os Vinhais”, por 3-6, com golos de Bruninho (2), Pedro Martins, Messi, Tiago Fernandes e Tiago Cruz, vitória que lhe permite manter o 3.º lugar com os mesmos 34 pontos do SC Farense, um do líder Portimonense, que conta igualmente com um calendário fácil nos jogos que faltam, enquanto a formação de Carlos Albero Costa, com 14 pontos, pode ter a 7.ª posição em risco nas jornadas que se seguem.

O CF Sassoeiros, que esperava certamente uma partida fácil em casa com o lanterna-vermelha FC São Francisco, venceu por 3-2 mercê dos golos apontados por David Batista, Manuel Pinto e Renato Hortas, resultado que mantém a equipa de João Gonçalves na 5.ª posição, com 20 pontos, enquanto o Reguilas de Tires pregava uma goleada na recepção ao Sonâmbulos, por 7-1, que deixa o conjunto de Pedro Nova com 29 pontos e o 4.º lugar garantido.

A jornada que se segue, e que vai levar no próximo sábado o Estoril Praia a Faro, o Reguilas de Tires recebe às 18h00 o CDR “Os Vinhais”, em Massapés, enquanto o CF Sassoeiros vai ao Algarve defrontar o Albufeira Futsal, equipas que estão separadas por 3 pontos, um jogo em que está causa a 5.ª posição, recordando-se que a formação sassoeirense venceu a partida da primeira volta por 10-5, uma vantagem de cinco golos que não será difícil de preservar.

Resultados:
Nacional Feminino/Seniores – CRC Quinta dos Lombos-AAU Évora, 2-2.
Nacionais Masculinos/Sub-20 – Leões de Porto Salvo-CRC Quinta dos Lombos, 3-0.
Juvenis – SL Benfica-Leões de Porto Salvo, 5-6.

Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – Fundação Salesianos-Atlético CP, 2-13; Dramático de Cascais-3 de Agosto; GRF Murches-Rangel, 3-3; 3 CDR “Os Vinhais” B-Futsal Oeiras, 3-4.
Juniores/Honra Manutenção – Estoril Praia-Atlético CP, 14-3; Dramático de Cascais-CF Sassoeiros, 1-4.
I Divisão – Novos Talentos-Reguilas de Tires, 2-1; Academia Johnson-CDR “Os Vinhais”, 3-4; Unidos Caxienses-Arroja, 5-4; Frassati-Futsal Oeiras, 3-5.
Juvenis/Honra Apuramento Campeão – CDR “Os Vinhais”-AMSAC, 3-2; Futsal Oeiras-CRC Quinta dos Lombos, 7-1.
Manutenção – CF Sassoeiros-Academico Ciências, 5-1.
Iniciados/Honra Apuramento Campeão – SL Benfica-CF Sassoeiros, 6-1; Futsal Oeiras-Sporting CP, 0-7.
Honra Manutenção – CRC Quinta dos Lombos-Frassati, 4-3; Arroja-Leões de Porto Salvo, 3-2.
I Divisão – Leões de Porto Salvo-AMSAC, 2-4; CDR “Os Vinhais”-Sporting CP B, 1-6; Liberdade AC-Futsal Oeiras, 3-2.

Femininos/Seniores/Apuramento Campeão – Leões de Porto Salvo-Belenenses, 3-3.
Manutenção – Carnide Clube-Nova Morada, 2-5.
Juniores – Leões de Porto Salvo-Sporting CP, 0-4.
Juvenis – SL Benfica-Unidos Caxienses, 3-2; CRC Quinta dos Lombos-Leões de Porto Salvo, 1-2.
 
Estoril Praia perde e falha liderança
“Os Vinhais” única equipa a vencer



15.Jan.18 - A formação de Nuno Chumbo, a jogar perante os seus adeptos, não foi capaz de vencer o encontro com o Portimonense (5-7), em que estava em disputa o lugar de líder na ”Série F” da fase inicial do nacional secundário, e única posição que vale a entrada directa na fase final que irá decidir a subida à divisão de elite, acabando por cair para o 3.º lugar da tabela mercê da igualdade pontual (31 pontos) com o SC Farense, quando faltam quatro partidas para as contas finais, com a de Faro, no último sábado deste mês, a ser fundamental para o Estoril Praia poder vir a conseguir definitivamente a 2.ª posição, lugar que pode dar aos canarinhos a presença na tão desejada fase final.
 

Os golos de Mané (2), Magina (2) e Luizinho não foram suficientes para o Estoril Praia levar de vencida o conjunto algarvio, derrota que não estaria nos planos da formação canarinha depois da difícil vitória do Portimonense no recinto de “Os Vinhais” na jornada anterior, situação que vai obrigar os pupilos de Nuno Chumbo a não falhar nos próximos quatro jogos para poderem seguir em frente.

Nos restantes encontros da jornada 14, apenas uma vitória, a do CDR “Os Vinhais” em terras algarvias, com o Sonâmbulos, por 3-5, cujos três pontos mantém a equipa de Carlos Alberto Costa na 7.ª posição, com 14 pontos. No mesmo lugar, 5.º, e com os mesmos pontos, 17, ficou o CF Sassoeiros depois da deslocação ao Algarve de onde regressou derrotado pelo SC Farense, por 5-1, em situação igual na tabela, 4.ª posição, com 26 pontos, ficou igualmente o Reguilas de Tires após a derrota, por 5-4, no recinto do Albufeira Futsal.
 

No próximo sábado joga-se a 15.ª jornada, onde pontua o dérbi CDR “Os Vinhais”-Estoril Praia, partida marcada para as 18h00, no pavilhão do Bairro Além-das-Vinhas, o CF Sassoeiros recebe no seu recinto o FC São Francisco, jogo início às 17h00, e com o Reguilas de Tires-Sonâmbulos apontado para as 18h00 no pavilhão de Massapés.

Resultados:
Nacional Feminino/Seniores – SL Benfica-CRC Quinta dos Lombos, 5-1.
Nacionais Masculinos/Sub-20 – CRC Quinta dos Lombos-AD Fundão, 4-2; Belenenses-Leões de Porto Salvo, 6-5.
Juvenis – Leões de Porto Salvo-Burinhosa, 1-2.

Distritais Masculinos/Seniores I Divisão – GROB-Fundação Salesianos, 9-1; Futsal Oeiras-Presa Casal Rato, 3-2; Monte Agraço-CRC Quinta dos Lombos B, 1-4; Rangel-Dramático de Cascais;, 1-3 Casa Povo Arcena-GRF Murches; 3 Agosto-CDR “Os Vinhais” B, 1-3.
Juniores/Honra Manutenção – CF Sassoeiros-Estoril Praia, 1-2; SL Olivais-Dramático de Cascais, 2-5.
I Divisão – Reguilas de Tires-PSAAC, 5-1; CDR “Os Vinhais”-Novos Talentos, 5-4; Milharado-Unidos Caxienses, 5-4; Futsal Oeiras-Arroja, 20-0.
Juvenis/Honra Apuramento Campeão – CA Desportos-CDR “Os Vinhais”, 5-10; CRC Quinta dos Lombos-Academia Johnson, 5-2; AMSAC-Futsal Oeiras, 2-3.
Manutenção – AM Portela-CF Sassoeiros, 1-5.
I Divisão – Unidos Caxienses-Marista Lisboa, 1-13; Frassati-Dramático de Cascais, 4-1.
Iniciados/Honra Apuramento Campeão – CF Sassoeiros-CA Desportos, 6-1; Belenenses-Futsal Oeiras, 8-4.
Honra Manutenção – Shotokai Queluz-CRC Quinta dos Lombos, 2-1; Leões de Porto Salvo-Sporting Torres, 4-0.
I Divisão – Sporting CP B-Leões de Porto Salvo, 8-2; Presa Casal Rato-CDR “Os Vinhais”, 1-2; Futsal Oeiras-Milharado, 3-6.

Femininos/Seniores/Apuramento Campeão – Santa Iria-Leões de Porto Salvo, 1-8.
Juniores – Juventude Castanheira-Leões de Porto Salvo, 6-1.
Juvenis – Leões de Porto Salvo-Sporting CP, 1-1; Unidos Caxienses-Futsal Feijó, 1-4; CRC Quinta dos Lombos-Atlético Povoense, 6-1.
 
 
 
 
Arquivo - Futsal
 
 




Linha Desportiva
Linha Desportiva | Ficha Técnica | Registo ERC nº 125284 | Direcção: Lobo Pimentel | CONTACTOS | Design & Desenvolvimento: ST Collective Copyright © Todos os direitos reservados